Tentativa de latrocínio

PCDF prende segundo acusado de tentar matar vendedor de panelas na Fercal

Mateus Vidal Freire, de 25 anos, estava foragido da polícia desde novembro do ano passado, quando tentou matar um ambulante a tiros

Darcianne Diogo
postado em 05/01/2021 20:31 / atualizado em 05/01/2021 20:35
 (crédito: Material cedido ao Correio)
(crédito: Material cedido ao Correio)

Investigadores da 35ª Delegacia de Polícia (Sobradinho 2) prenderam, no fim da tarde desta terça-feira (5/1), o segundo acusado de tentar matar um vendedor de panelas na Fercal, em 14 de novembro do ano passado. Mateus Vidal Freire, conhecido como "bobina", de 25 anos, foi detido na Quadra 1 de Sobradinho I, no momento em que chegava à casa do irmão para comemorar o aniversário da mãe.

Um dos envolvidos na tentativa de latrocínio, José Marcos Fernandes, de 20 anos, foi preso no sábado (2/1), após se apresentar na unidade policial. Segundo as investigações, o jovem foi o responsável por efetuar os disparos de arma de fogo contra o ambulante. Imagens do circuito interno de segurança registraram o momento em que os autores fogem do local após cometerem o crime (veja o vídeo abaixo). 

Segundo o delegado à frente das investigações, João Ataliba Neto, chefe da 35ª DP, as diligências acerca do caso seguem na intenção de localizar a arma utilizada no dia do crime. "Ele (Mateus) foi preso temporariamente por 30 dias, podendo ser prorrogado por igual o período, ou até ser convertida em preventiva, em caso de necessidade", detalhou.

Mateus estava foragido desde o dia do crime. Em 19 de novembro de 2020, investigadores da 35ª DP deflagraram a operação Gestas, que teve como alvo o autor da tentativa de latrocínio. O jovem tem três inquéritos policiais pela prática do crime de furto qualificado. 

O crime

Imagens das câmeras de segurança registraram a ação dos criminosos. As filmagens mostram o momento em que o vendedor de panelas entra em um beco e, em seguida, Mateus e outro jovem seguem a vítima. Segundo as investigações, o homem, morador de Ceilândia, estava na Fercal vendendo panelas de porta em porta.

Os suspeitos se aproveitaram do momento em que o ambulante entrou em um beco e tentaram assaltá-lo. A vítima gritou por socorro e um dos suspeitos efetuou um disparo de arma de fogo. A dupla fugiu sem levar nenhum pertence da vítima, que foi socorrida e encaminhada ao Hospital Regional do Paranoá, onde recebeu os atendimentos médicos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE