VIOLÊNCIA

VÍDEO: Polícia investiga se há outros envolvidos em assassinato de PM da reserva

Imagens de câmeras de segurança registraram momento do crime. Após matarem Leonel Martins Saraiva, 55 anos, assaltantes fugiram a pé, sem levar nada da vítima

Darcianne Diogo
postado em 26/01/2021 22:05 / atualizado em 26/01/2021 22:15
Crime ocorreu por volta das 16h30 desta terça-feira (26/1), na Quadra 205 de São Sebastião -  (crédito: Reprodução)
Crime ocorreu por volta das 16h30 desta terça-feira (26/1), na Quadra 205 de São Sebastião - (crédito: Reprodução)

Agentes da 30ª Delegacia de Polícia (São Sebastião) trabalham para identificar se há mais suspeitos de envolvimento no assassinato do subtenente reformado da Polícia Militar do Distrito Federal Leonel Martins Saraiva, 55 anos. O PM da reserva foi morto a tiros, nesta terça-feira (26/1), na Quadra 205 da região administrativa. Imagens de câmeras de segurança de casas próximas ao local do crime registraram o momento da ação.

Na gravação, Leonel aparece dentro de um Fiat Strada prata, estacionado próximo ao meio-fio. Dois homens surgem caminhando pela rua e, ao avistarem o automóvel, abordam o PM da reserva e o retiram à força de dentro do carro. Desesperadas, duas ocupantes saem do veículo às pressas. Elas eram funcionárias do Tchê Mineiro, restaurante do qual Leonel era dono. O estabelecimento era conhecido na região.

Após sair do carro, o subtenente reformado tenta correr, mas é baleado por um dos assaltantes. O militar da reserva ainda consegue andar alguns metros pela rua, mas cai em seguida. A vítima chegou a ser levada para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de São Sebastião, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

A ação ocorreu por volta das 16h30, pouco antes de Leonel levar as colegas de trabalho para casa, como de costume. As imagens do crime mostram, também, um Palio vermelho que passava pela rua frear levemente. A cena despertou a atenção dos investigadores, que trabalham com a possibilidade de latrocínio — roubo seguido de morte — e vão apurar se há envolvimento de outras pessoas.

  • O subtenente reformado da PM Leonel Saraiva foi assassinado na Quadra 205, de São Sebastião
    Leonel era dono do restaurante Tchê Mineiro, conhecido na região Marcelo Ferreira/CB/D.A Press

Os criminosos não levaram pertences do policial da reserva e fugiram correndo após matá-lo. "Eu ouvi só o barulho dos disparos. Quando saí, vi que o pessoal estava socorrendo ele (Leonel). Isso é um caso muito raro de acontecer aqui. É uma rua considerada tranquila. Estamos todos abismados", disse um morador, que preferiu não se identificar.

Homenagem

No comando do Minas Tchê Restaurante, Leonel fazia questão de divulgar a paixão pela culinária gaúcha. Em uma postagem no Facebook, um cliente lamentou a morte do comerciante. "É com imensa tristeza que lamento o falecimento do meu amigo Leonel, do Minas Tchê Restaurante. Ontem, visitei o estabelecimento, conversamos sobre o futuro da nossa cidade e deixamos tudo certo para hoje à noite, o nosso futebol dos veteranos, no campo sintético do Vila do Boa", escreveu. "Meus sentimentos a todos os familiares e amigos. Que Deus conforte o coração de todos. Descanse em paz meu amigo."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE