SISTEMA PENITENCIÁRIO

Polícia penal recaptura penúltimo envolvido na maior fuga da Papuda

Carlos Cauan da Silva Campos estava foragido desde 14 de outubro do ano passado, após fugir da Papuda. Ele e outros 17 detentos escaparam do Centro de Detenção Provisória após cavarem, por quatro dias, um buraco no teto da cela

Darcianne Diogo
postado em 12/03/2021 17:44 / atualizado em 12/03/2021 21:15
 (crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
(crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)

Policiais penais do Distrito Federal recapturaram, nesta sexta-feira (12/3), o 16° preso envolvido na maior fuga de prisão da década do Complexo Penitenciário da Papuda. Carlos Cauan da Silva Campos estava escondido em Unaí (MG) — distante cerca de 165km de Brasília.

A informação foi confirmada ao Correio pela Secretaria de Administração Penitenciária (Seape-DF). Segundo a pasta, Carlos — foragido desde 14 de outubro do ano passado — estava sendo monitorado pelo serviço de inteligência da Polícia Penal do DF. Após intenso trabalho das forças de segurança da capital, 16 deles foram recapturados. O último envolvido na fuga, Gabriel Nathan, segue foragido.

Gabriel Nathan da Rocha Bessio, vulgo "Frajola", responde por tráfico de drogas, corrupção de menores e posse de drogas
Gabriel Nathan da Rocha Bessio, vulgo "Frajola", responde por tráfico de drogas, corrupção de menores e posse de drogas (foto: Reprodução)

Neste domingo (14/3), a fuga completa cinco meses. À época, 17 detentos lotados no Centro de Detenção Provisória (CDP) escaparam da Papuda. Os internos cavaram, por quatro dias, um buraco no telhado com o auxílio de uma espécie de faca artesanal, produzida pelo próprio grupo.

Câmeras de segurança gravaram o momento em que os custodiados da Cela 4 da Ala C do Bloco 1 saíram por um buraco e desceram do prédio com o auxílio de uma corda formada por panos, conhecida no sistema prisional como “tereza”. 

Quem tiver informações sobre o paradeiro de Gabriel Nathan pode acionar a polícia pelos números 197 (Polícia Civil), 190 (Polícia Militar) ou para o WhatsApp 61 994510650 (Polícia Penal). 

O ‘líder’

O Correio revelou, em fevereiro deste ano, que a fuga foi comandada por Wanderson da Silva Santos, 22 anos. O criminoso de alta periculosidade e integrante de uma das maiores facções do país, o Comando Vermelho (CV), do Rio de Janeiro, foi o responsável por planejar, coordenar e orientar a ação.

Passados mais de dois meses da fuga, Wanderson foi recapturado em Caldas Novas (GO) — distante 303km de Brasília — curtindo uma vida de luxo no município goiano. Em vídeo ao qual o Correio teve acesso, ele aparece andando de jet-ski. Em outras fotos, o jovem ostenta nos clubes aquáticos famosos do município goiano.

  • Carlos Cauan da Silva Campos responde por furto qualificado e resistência
    Carlos Cauan da Silva Campos responde por furto qualificado e resistência Foto: Reprodução
  • Gabriel Nathan da Rocha Bessio, vulgo
    Gabriel Nathan da Rocha Bessio, vulgo "Frajola", responde por tráfico de drogas, corrupção de menores e posse de drogas Foto: Reprodução
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE