NOVA AÇÃO

Lázaro Barbosa rouba novo carro, encontra polícia e foge pela mata

A ação do suspeito de diversos assassinatos ocorreu às 18h30 da noite deste domingo (13/6)

Darcianne Diogo
postado em 13/06/2021 19:38 / atualizado em 13/06/2021 22:08
fuga Lázaro -  (crédito: Ed Alves/C.B./D.A. Press)
fuga Lázaro - (crédito: Ed Alves/C.B./D.A. Press)

A busca por Lázaro Barbosa continua em ritmo de terror no Entorno do DF. Na noite deste domingo (13/6), por volta das 18h30, o suspeito de diversos assassinatos desde a última semana quase foi preso em um via próximo à cidade de Edilândia (GO).

Por volta das 15h, um chacareiro da região foi a um posto montado pela polícia em um trevo perto da cidade de Cocalzinho. Segundo o homem, ele chegou em casa, deu falta do carro (um corsa vermelho) e encontrou a residência revirada.

Por volta das 18h30, o suspeito abandonou o carro próximo a Edilândia ao avistar uma viatura da polícia. Dentro do carro foi encontrado um carregador de munições.

Neste momento, policiais fazem buscas na mata com a ajuda de cães farejadores.

  • Busca a Lázaro
    Busca a Lázaro Ed Alves/CB/D.A. Press
  • Busca a Lázaro
    Busca a Lázaro Ed Alves/CB/D.A. Press
  • fuga Lázaro
    fuga Lázaro Ed Alves/C.B./D.A. Press

Dia de procura

Mais de 200 policiais do Distrito Federal e de Goiás participam das buscas pelo suspeito de assassinar uma família em Ceilândia Norte e balear três pessoas em Cocalzinho de Goiás. Por volta das 8h deste domingo (13/6), três caseiros de uma chácara afirmaram aos policiais que se depararam com o criminoso.

Os caseiros estavam com facões e foices e foram fechar a porteira, quando se depararam com Lázaro, que fugiu. Segundo os funcionários, o homem entrou em uma mata fechada próxima ao local. Forças de segurança montaram uma base no trevo de Cocalzinho. São policiais militares e civis do DF e Goiás, rodoviários federais, penais, federais e Corpo de Bombeiros.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE