VIOLÊNCIA

Suspeito de chacina em Ceilândia é acusado de duplo homicídio na Bahia

Lázaro Barbosa está foragido desde quarta-feira (9/6). Buscas continuam nesta segunda (14/6)

Luana Patriolino
postado em 14/06/2021 16:09
 (crédito: Ed Alves/CB/D.A Press)
(crédito: Ed Alves/CB/D.A Press)

Com uma extensa ficha criminal no Distrito Federal e em Goiás, Lázaro Barbosa Sousa, 33 anos, também possui passagens pela polícia no estado da Bahia. Conforme o Correio apurou com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), o criminoso é acusado de um duplo homicídio ocorrido no município de Barra do Mendes (BA), em 2007.

À época do crime, após se apresentar na delegacia, ele foi preso, mas conseguiu fugir cerca de 10 dias depois. Desde então, ele é considerado foragido.

Lázaro Barbosa é apontado pela Polícia Civil do DF como o autor de pelo menos quatro mortes no Incra 9, em Ceilândia Norte. O crime aconteceu na madrugada de quarta-feira (9/6).

Ele invadiu a chácara da família e matou a facadas e tiros o empresário Cláudio Vidal, 48, e os dois filhos, Gustavo e Carlos Eduardo Marques Vidal, 21, e 15 anos, respectivamente. Na fuga, ele levou a mulher de Cláudio e mãe dos jovens, a empresária Cleonice Marques, 43.

O corpo da mulher foi encontrado neste sábado (12/6), em um córrego próximo à BR 0-70. Desde então, as forças policiais iniciaram as buscas por Lázaro, que tem deixado vítimas por onde passa.

Enterro coletivo

Os quatro membros da família Vidal foram enterrados na manhã desta segunda-feira (14/06). Os dois filhos do casal, Gustavo Marques, 21 anos, e Carlos Eduardo Marques, 15 anos, foram enterrados juntos, às 10h30 da manhã. Os pais, Cleonice Marques, 43 anos, e Cláudio Vidal, 48, foram sepultados por volta das 10h50, em outra sepultura conjunta.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE