Operação Downloader

Morador do Lago Sul é preso por armazenar pornografia infantil

Terceira fase de operação da Polícia Civil prendeu o homem em flagrante após os agentes encontrarem materiais relacionados à pedofilia infantil armazenados em celulares e computadores

Correio Braziliense
postado em 02/02/2022 10:41 / atualizado em 02/02/2022 10:43
 (crédito: Divulgação/PCDF )
(crédito: Divulgação/PCDF )

Um morador do Lago Sul, de 31 anos, foi preso em flagrante, nesta quarta-feira (2/2), por armazenar pornografia infantil. O material foi encontrado por agentes da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) em computadores e celulares que estavam na casa do homem. Agora, ele fica preso e à disposição da Justiça. 

A prisão foi resultado da terceira fase da Operação Downloader, deflagrada por policiais civis da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC/PCDF). A operação, que contou com apoio do Instituto de Criminalística e da Divisão De Inteligência Policial é consequência de uma série investigações que visam promover a repressão à divulgação de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes na internet.

Depois de autorização judicial, os agentes cumpriram mandado de busca e apreensão no endereço no Lago Sul. Na casa, a equipe encontrou materiais relacionados à pedofilia infantil armazenados em computador e celulares. O investigado foi autuado em flagrante pelo delito de armazenamento de imagens e vídeos de exploração sexual infantil, fato constatado no cumprimento do mandado de busca e apreensão. No interior da residência, a polícia apreendeu equipamentos eletrônicos que estariam sendo utilizados na prática das condutas criminosas. 

As penas podem chegar a quatro anos e, para o crime de disponibilização ou divulgação de material de pornografia infantil, podem chegar a seis anos por cada compartilhamento realizado. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE