Aranhas

Aranhas gigantes e voadoras se espalham pela Geórgia, nos Estados Unidos

Popularmente conhecida por joro, a aranha asiática chegou em 2014 e está se espalhando pela região e outros estados americanos

Correio Braziliense
postado em 24/11/2021 19:58
 (crédito: Reprodução/Universidade da Geórgia)
(crédito: Reprodução/Universidade da Geórgia)

A aranha Trichonephila clavata, popularmente conhecida como joro, é uma espécie asiática, gigante e venenosa. Desde 2014 elas começaram a aparecer na Geórgia, nos Estados Unidos, mas seu veneno não é perigoso para humanos.

Acredita-se que as aranhas entram no país por meio de contêineres vindos da Ásia. A aranha usa um balão feito de teias para conseguir voar por até 160km, isso faz com que ela se espalhe rapidamente. Segundo um estudo da Universidade da Geórgia, a estimativa é de que existam milhões desses animais nos EUA.

A entomologista Nancy Hinkle, da universidade Universidade da Geórgia, afirmou que as aranhas podem ajudar a conter pragas como moscas, mosquitos e percevejos e que seu veneno não é perigoso para humanos, cães e gatos.

Os estudiosos acreditam que as aranhas joro já estejam espalhadas por outros estados. Na Geórgia, suas teias já são comuns em varandas, caixas do correio e linhas de energia.

Devido ao fato das aranhas terem curto período de vida, os pesquisadores informam que as aranhas devem deixar milhões de ovos, contribuindo para o aumento da presença da espécie no país.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE