Streaming

HBO Max confirma série derivada de 'Esquadrão Suicida'

O personagem, que será vivido por John Cena, no segundo filme da franquia ganhará seriado de oito episódios, todos escritos por James Gunn

Correio Braziliense
postado em 24/09/2020 15:38 / atualizado em 24/09/2020 15:38
Pacificador é um vilão introduzido a DC nos anos 1980 -  (crédito: HBO Max/Divulgação)
Pacificador é um vilão introduzido a DC nos anos 1980 - (crédito: HBO Max/Divulgação)

O universo cinematográfico da DC se expandirá para a tevê. A HBO Max anunciou o seriado do personagem Pacificador, que será vivido por John Cena em Esquadrão Suicida 2 e ganhará uma história solo de oito episódios no novo streaming da Warner Media. Quem comanda o projeto é James Gunn, mesmo diretor do filme.

Gunn será responsável pelo roteiro de todos os capítulos e pela direção de vários, incluindo o piloto (primeiro episódio). Ainda não há detalhes sobre a trama, nem o tom da série. Tudo indica que seguirá no caminho do longa, com um misto de super-heroísmo e comédia. As gravações da série estão previstas para o início de 2021, antes do diretor assumir o fim da trilogia Guardiões da Galáxia.

O Pacificador é um personagem criado pela extinta Charlton Comics em 1966 para ser um super-herói. Quando comprado na década de 1980 pela DC Comics, o personagem tomou outro rumo. Ele é um criminoso de guerra que para honrar a memória do pai, um comandante de um campo de concentração nazista, decide fazer justiça de forma sanguinária com as próprias mãos. Alan Moore tinha a intenção de usá-lo em Watchmen, como não pôde, baseou a personalidade do comediante nele. Quando perguntado sobre a figura que interpretará, John Cena o descreveu como “um Capitã América babaca”.

O Esquadrão Suicida 2 é uma missão dada para James Gunn salvar o grupo de vilões nos cinemas. Apesar de ter uma boa bilheteria, o primeiro filme foi um fracasso para crítica e o diretor foi chamado para dar outra cara a equipe de vilões que faz as missões perigosas demais para os heróis.

Em entrevistas iniciais feitas em um vídeo para DC Fandome, pessoas envolvidas no filme falaram que o lançamento não economizará na violência e que tem a cara Gunn. Em tuíte de anúncio da nova série, Cena falou sobre como foi uma grande aula trabalhar com Gunn e que está ansioso para mostrar mais do Pacificador.


A ideia da série segue a tendência das produções de super-heróis para televisão. A Marvel, por exemplo, tem anunciadas WandaVision, Falcão e Soldado Invernal e Loki como séries que utilizarão os mesmos personagens e atores dos cinemas. É esperado também que Star Wars faça o mesmo. A DC tem além do Pacificador, Gothan PD, série no mesmo universo do próximo filme do Batman, por vir.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação