Audiovisual

Franquia de Power Rangers terá séries e filmes conectados

Sem data prevista de estreia, um novo universo de Power Rangers será criado com ligação entre séries e filmes

Correio Braziliense
postado em 21/10/2020 16:03 / atualizado em 21/10/2020 16:15
 (crédito: Saban Entertainment/Divulgação)
(crédito: Saban Entertainment/Divulgação)

Assim como a Marvel decidiu apresentar o multiverso nos cinemas, a franquia de Power Rangers, segundo o The Hollywood Reporter, ganhará um reboot, isto é, uma nova versão de séries e filmes interligados. As produções serão coordenadas por Jonathan Entwistle, da série The end of the f***ing world, e desenvolvidas pelo estúdio Entertainment One, da Hasbro.

“Esta é uma oportunidade inacreditável de entregar os novos Power Rangers para gerações recentes e existentes de fãs apaixonados”, revelou Entwistle, sobre a chance de trabalhar com a franquia. O objetivo é que as produções se conectem, ao contrário do filme live-action lançado em 2017, que não teve continuação televisiva.

Homenagens aos Power Rangers

Mesmo criada em 1993 por Haim Saban, de Masked rider, a franquia de Power Rangers teve mais de 20 temporadas diferentes e criou uma relação fiel com o público. A Comic con experience realizada em São Paulo, em 2018, trouxe atores que interpretaram rangers antigos e recentes, para homenagear os 25 anos de existência da série.

Com mais de 850 episódios exibidos e três filmes criados, um episódio foi ao ar no mesmo ano para celebrar, também, o aniversário da série. Foi intitulado como Dimensão de perigo e reúne rangers de diferentes temporadas marcantes para travar uma batalha épica.

As produções foram inspiradas no Tokusatsu, expressão japonesa designada para filmes de efeitos especiais, os quais o país asiático produzia com narrativa de super-heróis.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação