Filme

Nova versão de 'Liga da Justiça' terá Jared Leto como Coringa

Chamada de 'Snyder cut', nova versão de 'Liga da Justiça', terá Jared Leto ao papel do vilão

Correio Braziliense
postado em 22/10/2020 16:31 / atualizado em 22/10/2020 16:41
 (crédito: YouTube/ Reprodução )
(crédito: YouTube/ Reprodução )

Após ganhar o trailer completo no evento on-line da DC FanDome, Jared Leto, que interpretou o Coringa no filme Esquadrão Suicida, em 2016, gravará cenas adicionais do vilão para o Snyder Cut, segundo o The Hollywood Reporter. O corte original de Liga da Justiça será feito por Zack Snyder, com previsão de estreia é para 2021, no HBO Max.

O elenco conta, até agora, com Ben Affleck (Batman), Ray Fisher (Ciborgue) e Amber Heard (Meera). Jared Leto não estava incluído originalmente, mesmo com Snyder na direção. A possível aparição do ator pode significar a permissão da Warner para mais cenas inéditas na produção.

Em um teaser liberado pelo ator Jason Momoa (Aquaman), o vilão Darkseid é introduzido por meio de uma imagem ancestral, com um discurso de Lex Luthor no fundo. No trailer, Uxas, conhecido como Darkseid, uma das maiores ameaças do universo da DC Comics, aparece no início.

Entenda Liga da Justiça: Snyder Cut

O desejo de produzir algo dirigido por Zack Snyder veio depois do diretor deixar as filmagens de Liga de Justiça, lançado em 2017, após o suicídio da filha. Neste momento, Joss Whedon, diretor de Vingadores, assumiu o papel e realizou mudanças nas gravações, bem como no roteiro. Quando o filme estreou, Snyder iniciou uma campanha on-line para que a versão dele viesse a público.

Os atores que protagonizaram o filme como, por exemplo, Ben Affleck, Gal Gadot (Mulher-Maravilha) e Jason Momoa entraram na campanha pelo Twitter, para que fosse lançada a versão mais sombria com cenas de Snyder. Depois disso, a Warner Media e a DC Comics optaram por fazer uma produção voltada para a HBO Max, uma minissérie de quatro horas, com a volta do diretor.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação