Festival de cinema

Festival de Brasília começa nesta terça-feira; confira a programação!

O tradicional evento de cinema da capital fomenta o cenário audiovisual do país com a projeção de filmes por meio do streaming e da tevê

Correio Braziliense
postado em 15/12/2020 11:38 / atualizado em 15/12/2020 11:42
 (crédito: Marcelo Ferreira/ CB DA Press)
(crédito: Marcelo Ferreira/ CB DA Press)

Uma das programações culturais mais esperadas de Brasília começa nesta terça-feira (15/11). A 53ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro (FBCB) será realizada de 15 a 21 de dezembro com exibição de diversas produções cinematográficas do país. Tradicionalmente no Cine Brasília, o evento teve que se adaptar a um novo formato em decorrência da pandemia do novo coronavírus e, agora, ganha exibição pelo Canal Brasil e pela plataforma dos Canais Globo.

O Canal Brasil será responsável por transmitir as obras da Mostra Oficial Longa-Metragem sempre às 23h, enquanto as plataformas de streaming disponibilizarão os títulos da Mostra Oficial Curta-Metragem de quarta-feira (16) até domingo (20). Ao todo, foram selecionados 30 filmes nacionais, entre 698 inscritos, para as mostras oficiais.

Cena do filme 'Espero que esta te encontre e que estejas bem'.
Cena do filme 'Espero que esta te encontre e que estejas bem'. (foto: Felipe Fernandes/Divulgação)

A estreia da exibição de filmes do festival fica por conta do documentário Espero que esta te encontre e que estejas bem, de Natara Ney. O longa será transmitido nesta terça-feira no Canal Brasil às 23h. No roteiro, um lote com cartas de amor é encontrado em uma feira de antiguidades, com relatos sobre paixão e distância. Uma investigação se inicia para localizar o casal e descobrir o desfecho do romance.

Confira a programação do 53º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

Mostra oficial Longa-Metragem

Terça-feira (15/12)

Canal Brasil, às 23h
Espero que esta te encontre e que estejas bem (PE, RJ, MS)
(Natara Ney, Documentário, PE/RJ/MS, 83 min)

Quarta-feira (16/12)

Canal Brasil, às 23h
Longe do paraíso (BA)
(Orlando Senna, Ficção, BA, 106 min)

Quinta-feira (17/12)


Canal Brasil, às 23h
A luz de Mario Carneiro (RJ)
(Betse de Paula, Documentário, RJ, 73 min)

Nesta sexta-feira (18/12)

Canal Brasil, às 23h
Por onde anda Makunaíma? (RR)
(Rodrigo Séllos, Documentário, RR, 84 min)

Sábado (19/12)

Canal Brasil, às 23h
Entre nós talvez estejam multidões (MG, PE)
(Aiano Bemfica e Pedro Maia de Brito, Documentário, MG/PE, 92 min)

Domingo (20/12)

Ivan, o TerrirVel (RJ)
(Mario Abbade, Documentário, RJ, 103min)
Canal Brasil, às 23h


Mostra Oficial Curta-Metragem

A partir de 16 de dezembro, com disponibilização no streaming

A morte branca do feiticeiro negro

(Rodrigo Ribeiro, Documentário, SC, 11mim)

A tradicional família brasileira KATU
(Rodrigo Sena, Documentário, RN, 25mim)

Distopia
(Lilih Curi, Ficção, BA, 10m38s)

Guardião dos caminhos
(Milena Manfredini, Experimental, RJ, 3 mim)

Inabitável
(Matheus Faria e Enock Carvalho, Ficção, PE, 19m57s)

Inabitáveis
(Anderson Bardot, Ficção, ES, 25m)

Noite de seresta
(Muniz Filho, Sávio Fernandes, Documentário, CE, 19m)

Ouro para o bem do Brasil
(Gregory Baltz, RJ, Documentário, 17m24s)

Pausa para o café
(Tamiris Tertuliano, Ficção, PR, 5mim)

República
(Grace Passô, Ficção, SP, 15m30s)

Quanto pesa
(Breno Nina, Ficção, MA, 23min)

Vitória
(Ricardo Alves Jr. Ficção, MG, 14m)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE