Lançamento

Com humor, ‘Entre homens’ evidencia a divisão social argentina nos anos 1990

Ao Correio, a equipe de ‘Entre homens’, nova produção argentina da HBO Max, revela detalhes da criação da minissérie

*Isabela Berrogain
postado em 01/10/2021 15:38 / atualizado em 01/10/2021 15:41
 (crédito: Divulgação/HBO Max)
(crédito: Divulgação/HBO Max)

Baseada no romance homônimo de Germán Maggiori, Entre homens, nova série argentina da HBO Max, é um drama policial que se passa na década de 1990, em Buenos Aires (Argentina). Ao longo de quatro episódios, a minissérie adaptada por Maggiori, em parceria com o diretor Pablo Fendrik, evidencia a divisão social da época no país, sempre acompanhada por um característico humor ácido.

A trama narra os desdobramentos de um crime que acontece durante uma festa regada a sexo e drogas. Na intenção de apagar os vestígios de evidências que comprometem os convidados, os personagens são confrontados e acabam se envolvendo em problemas maiores.

Mesmo antes da estreia oficial, a minissérie fez história na trajetória do audiovisual argentino. Entre homens tornou-se, neste ano, a primeira produção latino-americana a ser exibida no Festival de Cinema de Berlim.

“O que chamou a atenção do comitê foi que a série é muito diferente do material que eles vinham recebendo da região. Eles disseram que é o mais atrevido e único que tinham visto da América Latina nos últimos anos”, explica Fendrik ao Correio. “Destacaram muito a intensidade e o ritmo da história, que não são muito usuais para a região”, complementa.

Repleta de personagens fortes, a série tem como protagonista Garmendia, um cruel, ultra violento e corrupto sargento de polícia. “Me preparei intensamente para este papel. Tivemos muitas reuniões e muitos ensaios, assim fui montando o personagem, com a ajuda do Pablo”, conta Gabriel Goity, ator que dá vida ao protagonista.

“Além disso, vivi o processo de me apaixonar pelo projeto. Entrar nesse universo, ler o livro, devorar o livro, que é de um gênero que eu amo. Foi intenso e maravilhoso”, completa.

Outro nome crucial para o desandar da trama é Mosca, ladrão profissional valorizado pela experiência como motorista de assalto. “Na minha imaginação, eu recorri a personagens de histórias em quadrinhos e brinquei com isso. Não foi difícil fazer o Mosca, na verdade foi divertido. É sobre isso que se trata a atuação, fazer um papel como este e poder fazer coisas que nós não fazemos no dia-a-dia normalmente”, pontua o ator Nicolás Furtado, que faz o papel do ladrão.

Entre homens é exibida semanalmente, todos os domingos, na HBO. Os quatro episódios da minissérie já estão disponíveis no HBO Max.

*Sob supervisão de Nahima Maciel

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE