Beleza

Ieda Favo, vice-campeã do Miss Universo SP, denuncia racismo no concurso

A modelo contou que o tratamento que recebeu era totalmente diferente das colegas que também competiam ao título

Victória Olímpio
postado em 07/10/2021 10:22
 (crédito: Ieda Favo/Instagram/Reprodução)
(crédito: Ieda Favo/Instagram/Reprodução)

Ieda Favo, vice-campeã do Miss Universo São Paulo, acusou o concurso de beleza que seleciona candidatas ao Miss Universo Brasil de racismo. A atriz, que é negra, estava representando a cidade de Guarulhos e garantiu que não quer que a exposição da situação mude o resultado final.

Nas redes sociais, ela disse que era a única mulher negra entre as três finalistas e que o tratamento que recebeu desde o começo do concurso havia sido totalmente diferente do dispensado às demais candidatas. 

"Coisas horríveis aconteceram e não quero que se repitam com outras pessoas. Deixando bem claro que não tenho interesse na faixa nem na coroa. Estou aqui em forma de apelo para que isso não se repita com nenhuma menina. Nunca me senti tão discriminada na minha vida! Desde o primeiro contato sempre tive um contato muito hostil por parte da organização", desabafou.

"Sempre me pediam para ficar atrás, no fundo, nos momentos das fotos e vídeos. Quais eram as justificativas? Era por conta da minha cor, por que sou negra? Por conta da minha condição social, da minha cidade?", continuou.

O Miss Universo SP divulgou nota nas redes sociais afirmando não compactuar com o racismo e  garantindo que nunca houve orientação para dar tratamento diferenciado a qualquer candidata. Na legenda da publicação, o perfil citou o concurso de 2013, vencido por Thais Andrade, candidata negra, como exemplo de respeito à diversidade. 

"Desde já a equipe do Miss Universo São Paulo 2021 se solidariza com a situação narrada e oferece todo o apoio à candidata leda. A organização se coloca à disposição da candidata para a disponibilização das imagens e documentos inerentes ao concurso, para que as eventuais medidas judiciais sejam acionadas se identificada qualquer irregularidade, reforçando que, em contrapartida, a equipe jurídica do Miss Universo São Paulo 2021 já foi acionada e está trabalhando no caso", informou nota.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE