Brasileira presa por perseguir Harry Styles enviou 8 mil cartas ao cantor

A brasileira Myra Carvalho está sendo acusada de perseguição por um tribunal em Londres

A acusação da brasileira foi processada em 23 de janeiro -  (crédito:  Tyler Mitchell)
A acusação da brasileira foi processada em 23 de janeiro - (crédito: Tyler Mitchell)
postado em 21/02/2024 11:49

A brasileira Myra Carvalho, 35 anos, está sendo acusada de perseguição pelo tribunal da Coroa de Harrow, localizado no norte de Londres, na Inglaterra, e se encontra detida pela polícia britânica desde o fim de janeiro na prisão feminina de Bronzefield, Surrey. Ela enviou, pelos correios ou pessoalmente, cerca de 8 mil cartas para Harry Styles dentro de um mês, expressando desejos sexuais e pedindo o cantor em casamento.

Myra estava hospedada em um albergue em Earl's Court, oeste de Londres, desde dezembro de 2023, sem o conhecimento dos pais. Ela foi acusada de assédio "equivalente à perseguição", tendo causado "alarme e estresse", e reportou ao tribunal, segundo o Daily Mail, que sabia estar "causando danos substanciais no cotidiano de Harry".

A acusação da brasileira foi processada em 23 de janeiro, quando ela se apresentou ao tribunal do magistrado de Highbury Corner. Os pais de Myra estavam presentes na apresentação e contestação do julgamento da filha, em Londres, e se emocionaram ao vê-la por meio de vídeo chamada.

Uma fonte ligada ao Daily Mail afirmou que o cantor ficou "realmente abalado", e que Harry deseja apenas continuar com sua rotina, mas que a situação é "preocupante". A juíza responsável pelo caso, Karim Ezzat, declarou que Myra deverá se apresentar ao fórum no dia 19 de abril. Já a advogada da acusada, Clementine Simon, alegou na corte que a brasileira estava sofrendo de "episódio maníaco" e questionou se Myra realmente estava apta para responder à ação judicial.

Não é a primeira vez que Harry Styles sofre com perseguições: o cantor foi alvo de Diana Tarazaga em 2022, que entrou em sua residência à força e foi condenada a três anos de prisão por perseguição. O caso fez com que Harry aumentasse sua segurança, afirma o Daily Mail.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br