G20

Após G20, Haddad e Campos Neto se reúnem nesta sexta

A expectativa é que haja um balanço do fórum de cooperação econômica, que acabou sem um comunicado conjunto oficial devido a divergências geopolíticas

Além do encontro fechado, os dois participam nesta sexta-feira de uma reunião extraordinária do CNM -  (crédito:  Edilson Rodrigues/Agência Senad)
Além do encontro fechado, os dois participam nesta sexta-feira de uma reunião extraordinária do CNM - (crédito: Edilson Rodrigues/Agência Senad)
postado em 01/03/2024 11:16 / atualizado em 01/03/2024 11:19

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, se reunirão nesta sexta-feira (1º/3), em São Paulo. O encontro ocorre após o fim da agenda oficial da reunião ministerial da Trilha das Finanças do G20 — grupo formado pelas 19 maiores economias do mundo, mais a União Europeia e a União Africana.

As pastas não informaram do que se trata a reunião, na agenda do BC o encontro é definido apenas como destinado a “assuntos governamentais”. A expectativa é que haja um balanço do fórum de cooperação econômica internacional, que acabou sem um comunicado conjunto oficial devido a divergências entre os países sobre questões ligadas aos conflitos em Gaza e na Ucrânia.

Durante o G20, Haddad colocou em pauta uma proposta de tributação internacional para os super-ricos no combate à desigualdade. Campos Neto, por sua vez, investiu na agenda da inclusão financeira, renegociação de dívidas de países vulneráveis, além do mapeamento dos riscos para a economia global a longo prazo.

O documento divulgado pela presidência do G20 ontem, cargo atualmente ocupado pelo Brasil, apontou para um aumento da probabilidade de que a economia global tenha sua desaceleração suave. Intitulado “Resumo do Presidente”, o texto ressalta que as perspectivas de crescimento no médio prazo permanecem moderadas, e as estimativas indicam que o crescimento econômico global se estabilizará em um nível mais baixo.

Além do encontro fechado entre Haddad e Campos Neto, os dois participam nesta sexta-feira de uma reunião extraordinária do Conselho Monetário Nacional (CNM), por videoconferência. O colegiado é composto pela Fazenda, o BC e a ministra do Planejamento e Orçamento, Simone Tebet.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação