COVID-19

Bolsonaro faz visita técnica ao Ministério da Saúde

Nesta terça, a pasta da Saúde e das Relações Exteriores informou, em nota, que está confirmada a importação de 2 milhões de doses da vacina de Oxford contra a covid-19 produzida na Índia

Ingrid Soares
postado em 05/01/2021 15:48
 (crédito: Evaristo Sá/AFP)
(crédito: Evaristo Sá/AFP)

O presidente Jair Bolsonaro fez uma visita técnica na tarde desta terça-feira (5/01) ao Ministério da Saúde e ao ministro da pasta, Eduardo Pazuello. Na mesa, a expectativa de um cronograma ainda inexistente com as datas das aplicações dos imunizantes.

Nesta terça, o Ministério da Saúde resolveu fazer uma requisição administrativa de estoques excedentes de agulhas e seringas de fabricantes brasileiros para serem usadas na vacinação contra a covid-19 no país. Depois do fracasso no pregão aberto no fim do ano passado, quando precisava de 331 milhões de unidades, mas teve oferta para apenas 7,9 milhões, a intenção é garantir os produtos para o início da imunização.


Também hoje, a pasta da Saúde e das Relações Exteriores informou, em nota, que está confirmada a importação de 2 milhões de doses da vacina de Oxford contra a covid-19 produzida na Índia. As doses, segundo o órgão, devem chegar ao Brasil ainda neste mês.

Enquanto vários países do mundo já iniciaram suas vacinações contra a covid-19 em caráter excepcional, o Brasil segue discutindo e ajustando os trâmites para entrar com o pedido de uso emergencial para aplicação das doses em grupos específicos. Apesar dos avanços, o fato é que, no Brasil, nenhuma desenvolvedora de imunizantes entrou com o pedido de uso emergencial ou de registro da vacina. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE