ELEIÇÕES 2022

Bolsonaro descarta formação do partido Aliança pelo Brasil: "Zero chance"

Chefe do Executito tentou tirar legenda do papel, mas esbarrou na coleta de assinaturas. Das 500 mil necessárias, conseguiu arrecadar menos da metade. Depois, presidente tentou negociação para desembarcar no Progressista, no entanto, sigla sofreu racha

Ingrid Soares
postado em 01/10/2021 12:44 / atualizado em 01/10/2021 12:46

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (1º/10) que é "zero" a chance de filiação ao Aliança pelo Brasil. A declaração ocorreu durante conversa com apoiadores na saída do Palácio da Alvorada.

Questionado por um bolsonarista sobre a possibilidade, o chefe do Executivo rebateu: "Esquece! É impossível. Zero chance de se formar o Aliança", disse Bolsonaro, reforçando em seguida: "O que é possível, a gente tenta fazer aqui. O que é impossível, deixa para Deus", apontou.

O chefe do Executito tentou tirar do papel o Aliança, mas esbarrou na coleta de assinaturas. Das 500 mil necessárias, conseguiu arrecadar menos da metade.

Depois, o presidente tentou negociação para desembarcar no Progressista, no entanto, a sigla sofreu um racha e teve o presidente Adilson Barroso, principal articulador de sua ida ao partido, deposto.

Bolsonaro mantém conversas com o PP, do ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, e com o PTB, de Roberto Jefferson, mas ainda não se decidiu. Perguntado, sobre qual legenda deverá ingressar, não respondeu.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE