SAÚDE BOLSONARO

Bolsonaro dá entrada em hospital de Brasília após se sentir mal

Presidente teve refluxo e desconforto abdominal na noite desta segunda-feira (28/3) e deu entrada no HFA

Luana Patriolino
Deborah Hana Cardoso
postado em 28/03/2022 22:27 / atualizado em 29/03/2022 00:50
As suspeitas dos profissionais são de que o presidente esteja com um novo quadro de obstrução intestinal -  (crédito:  Ed Alves/CB)
As suspeitas dos profissionais são de que o presidente esteja com um novo quadro de obstrução intestinal - (crédito: Ed Alves/CB)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) passou mal na noite desta segunda-feira (28/3) e foi encaminhado ao Hospital Forças Armadas (HFA). Ele teve indisposição, dores na barriga e refluxo. Bolsonaro foi atendido por uma equipe médica do Palácio do Planalto e em seguida encaminhado para o HFA, onde passa por uma bateria de exames.

As suspeitas dos profissionais são de que o presidente esteja com um novo quadro de obstrução intestinal. O chefe do Executivo era aguardado para a cerimônia de filiação de dois de seus ministros — Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura) e Damares Alves (Família, Mulher e Direitos Humanos) ao Republicanos, mas, devido ao mal-estar, não compareceu. Um parlamentar governista afirma que o presidente sentiu dores abdominais e foi ao HFA fazer novos exames.

Em janeiro, Jair Bolsonaro ficou dois dias internado no Hospital Vila Nova Star, na Zona Sul de São Paulo, devido a uma obstrução no intestino. Na ocasião, o médico que acompanha o presidente desde 2018, Antônio Luiz Macedo, disse que o problema tinha sido provocado por um camarão não mastigado corretamente. Desta vez, assessores palacianos afirmaram que Bolsonaro consumiu camarão novamente, há cerca de dois dias.

Por volta das 23h20, o chefe de segurança de Bolsonaro entrou no HFA, mas deixou o local sem o presidente.

Bolsonaro passava mal desde domingo (28/3)

Segundo informações apuradas pelo Correio, Bolsonaro já estava se sentindo mal desde o domingo (28/3). O presidente discursou em um evento do Partido Liberal (PL), na manhã de domingo, no centro de Convenções, em Brasília. Ele já estava se sentindo mal na ocasião e teria até mudado a ordem de apresentação do evento por conta do mal estar.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE