Temporais no Nordeste

Presidenciáveis se manifestam nas redes sobre chuvas no Nordeste

Bolsonaro liberou recursos de R$ 2,5 milhões e Lula se coloca à disposição para o enfrentamento da tragédia

Deborah Hana Cardoso
postado em 28/05/2022 19:53
 (crédito:  Thiago Sampaio/Portal Oficial do Governo do Estado de Alagoas)
(crédito: Thiago Sampaio/Portal Oficial do Governo do Estado de Alagoas)

Em meio à emergência de chuvas no Nordeste, que atinge Pernambuco, Alagoas, Rio Grande do Norte e Paraíba, os presidenciáveis deste ano se manifestaram no Twitter prestando solidariedade aos atingidos.

O presidente e pré-candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL), anunciou a liberação de recursos por meio do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR), em R$ 2,5 milhões - com a primeira remessa sendo destinada a Alagoas que tem 33 cidades em estado de emergência.


Em resposta ao apelo do governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), que pediu ajuda às Forças Armadas hoje em coletiva, Bolsonaro escreveu: “Mobilizamos ainda nossas Forças Armadas e o Ministério da Cidadania para o deslocamento de equipes à Recife para auxiliar nas operações de socorro”.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se colocou à disposição do governo e cidades atingidas do Recife. “Me coloco à disposição dos prefeitos das cidades atingidas e do governo de Pernambuco no que for possível ajudar no enfrentamento dessa tragédia”, afirmou.


O líder da terceira via, o ex-governador do Ceará e ex-ministro da Fazenda, Ciro Gomes (PDT), também prestou solidariedade aos atingidos pelas chuvas. “Que o poder público consiga com rapidez prestar todo apoio às comunidades afetadas”, tuitou.

A senadora Simone Tebet (MDB) considerou os atuais eventos no Nordeste uma tristeza. “As fortes chuvas em Recife causam alagamentos, deslizamentos e muita tristeza. Minha solidariedade ao povo pernambucano”, destacou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE