Comércio

Fracassa a iniciativa de criar o primeiro sindicato da Amazon nos EUA

Mais de 600 votos favoreceram a iniciativa de sindicalização organizada pelo Sindicato de Varejistas, Atacadistas e Lojas de Departamento

Agência France Presse
postado em 09/04/2021 15:11
 (crédito: Ethan Miller)
(crédito: Ethan Miller)

A iniciativa de criar o primeiro sindicato da Amazon nos Estados Unidos fracassou nesta sexta-feira (9/4), depois que a contagem de votos mostrou que uma ampla maioria dos trabalhadores da fábrica de Alabama rejeitou a proposta.

Em uma contagem de votos online, os funcionários da Junta Nacional de Relações Trabalhistas contaram mais de 1.608 votos pelo "não" pouco antes do meio-dia (horário de Brasília), o que representa a maioria dos 3.215 votos emitidos.

Mais de 600 votos favoreceram a iniciativa de sindicalização organizada pelo Sindicato de Varejistas, Atacadistas e Lojas de Departamento.

Esses resultados encerram uma polêmica campanha sindicalista que durou vários meses e chamou a atenção nacional, porque poderia criar o primeiro sindicato em uma instalação da Amazon nos Estados Unidos.

Ativistas e líderes políticos apoiaram a campanha sindical, argumentando a preocupação com um ambiente de alta pressão no qual os trabalhadores são constantemente vigiados.

A Amazon alegou que a maioria dos funcionários não queria um sindicato e afirmou que já oferece benefícios e salários acima da média.

O sindicato disse que vai contestar o resultado, afirmando que a Amazon "criou uma atmosfera de confusão, coação e/ou medo de represálias e, portanto, interferiu na liberdade de escolha dos trabalhadores."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE