Agenda 2030

STF realiza debate sobre democracia em parceria com Oxford

Abertura da conferência terá a participação do secretário-geral da ONU, Antonio Guterres

Correio Braziliense
postado em 21/10/2020 17:10
As palestras serão transmitidas ao vivo pelo YouTube, nos canais da TV Justiça -  (crédito:  Dorivan Marinho / SCO / STF)
As palestras serão transmitidas ao vivo pelo YouTube, nos canais da TV Justiça - (crédito: Dorivan Marinho / SCO / STF)

O papel das cortes supremas na manutenção das democracias é um dos focos de uma conferência que será realizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em parceria com a Universidade de Oxford, nesta quinta-feira (22/10) e sexta-feira (23/10), a partir das 9h. Com o tema “Cortes Supremas, Governança e Democracia”, o seminário será aberto pelo presidente do STF, ministro Luiz Fux, e pelo secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), o português Antonio Guterres.

A expectativa é de que eles falem sobre a Agenda 2030 e sobre as 17 metas globais para os Objetivos Globais para o Desenvolvimento Sustentável, como a promoção de uma vida digna para toda a população e a proteção dos recursos naturais. Os debates falarão sobre como a Justiça pode ser um agente ativo na construção desses objetivos.

O evento terá diversos painéis com professores e pesquisadores de universidades renomadas ao redor do mundo como Havard, Yale, USP e Oxford. Todas as palestras serão transmitidas ao vivo pela TV Justiça. Além disso, quem quiser enviar comentários ou perguntas pode interagir por meio do site especial criado para o evento.

No portal, estudantes e outros interessados podem acessar também uma série de artigos e livros que servem de referência bibliográfica para entender as discussões. Segundo informações do STF, este será o primeiro de uma série de seminários virtuais do projeto “Conexões e Saberes”, cujo intuito é levar ao Supremo debates com temas de interesse da sociedade.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação