Tempo

Que sufoco! DF atinge novo recorde de calor do ano nesta terça-feira

Termômetros na região do Gama marcaram durante a tarde desta terça-feira (29/9). A umidade chegou a 11%

Samara Schwingel
postado em 29/09/2020 16:02 / atualizado em 29/09/2020 16:04
 (crédito: Carlos Silva/Esp. CB/D.A Press)
(crédito: Carlos Silva/Esp. CB/D.A Press)

O Distrito Federal registrou, novamente, o dia mais quente do ano. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a região do Gama atingiu 35,6°C durante a tarde desta terça-feira (29/9), ultrapassando os 35,5º C registrados em 19 de setembro

Além do calor, a umidade relativa do ar ficou baixa, chegando aos 11%. O recorde é do dia 11 de setembro, quando a taxa chegou à mínima de 10% no DF. Essas características são consequências de uma massa de ar seco e quente que paira sobre a região Centro-Oeste.

Devido ao tempo quente e seco, a Defesa Civil emitiu, nesta segunda-feira (28/9), estado de alerta de cinco dias para a capital federal. De acordo com o meteorologista Olívio Bahia, o cenário deve se manter, pelo menos, até a segunda quinzena de outubro. "A semana deve continuar seca e quente no DF, com alertas para a baixa umidade", diz. 

Cuidados com a saúde 

O recomendado é que as pessoas evitem fazer exercícios físicos nas horas mais quentes do dia, bebam bastante líquido, usem roupas leves e hidratantes para a pele. A Secretaria de Saúde informou que é preciso ter alimentação rica em frutas e verduras, ingerir bastante líquido, como água, água de coco, chás e sucos naturais, hidratar a pele com cremes, evitar banhos quentes e demorados, assim como o uso excessivo de sabonetes e buchas.

Além disso, a pasta ressalta que seca não faz mal apenas ao sistema respiratório. Os olhos também podem sofrer. Por isso, é importante lavar os olhos com soro fisiológico gelado, evitar coçar e usar óculos de sol com lentes UVA e UVB.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação