Pandemia

DF recebe R$ 1,2 milhão do Ministério da Saúde para leitos de UTI covid-19

No total, 26 dos 867 leitos distribuídos ao redor do país serão destinados ao Distrito Federal. Para atendimento a pessoas em estado grave da doença, em caráter excepcional e temporário

Pedro Marra
postado em 30/04/2021 19:35
 (crédito: Breno Esaki/Agência Saúde)
(crédito: Breno Esaki/Agência Saúde)

O Ministério da Saúde autorizou a abertura de 26 leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) adulto para pacientes com covid-19 no Distrito Federal, com liberação mensal de R$ 1,2 milhão. A decisão foi publicada em portaria do Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (29/4).

O atendimento a pessoas em estado grave da doença será em caráter excepcional e temporário. O Ministério da Saúde estabeleceu uma quantia de R$ 41,8 milhões para distribuir aos estados e municípios do país. No total, serão 867 leitos distribuídos ao redor do país. O valor é originado do Bloco de Manutenção das Ações e Serviços Públicos de Saúde - Grupo Coronavírus, do governo federal.

Em 24 de março, a Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF) recebeu, do Ministério da Saúde, 50 leitos UTI para pacientes com covid-19 em estado grave. A autorização foi feita pela Portaria nº 518/2021, nas mesmas condições apresentadas do documento desta sexta-feira: atendimento a pessoas em estado grave da doença será em caráter excepcional e temporário.

À época, o valor do repasse mensal ficou em R$ 2,4 milhões, conforme a pasta. Apesar de estados e municípios terem autonomia para criar e habilitar os leitos necessários, o Ministério da Saúde, em decorrência do atual cenário de emergência, disponibiliza recursos financeiros e auxílio técnico para o enfrentamento da doença.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE