Hospital

HUB organiza visita a paciente internado com câncer há mais de 100 dias

Internado há 109 dias no Hospital Universitário de Brasília (HUB), paciente recebeu nesta sexta-feira (11/6) a visita de familiares em área externa da unidade

Mateus Gaudêncio*
postado em 11/06/2021 17:38
Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB -  (crédito: HUB/Divulgação)
Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB - (crédito: HUB/Divulgação)

O aposentado Edival Lima, 75 anos, internado há 109 dias no Hospital Universitário de Brasília (HUB) devido a um câncer, recebeu nesta sexta-feira (11/6) a visita de familiares. A visita faz parte de uma ação de humanização do HUB. Edival, por ser idoso, tem direito a acompanhante durante a internação e duas filhas se revezam nos cuidados. Porém, por causa da pandemia, as visitas estão suspensas e ele sente falta do restante da família.

A equipe do HUB convidou os familiares do paciente para um encontro em área externa do hospital e surpreendeu o aposentado. Ele tem quatro filhos, um neto e dois cachorros, que também vieram para a visita. Eles conversaram, cantaram e brincaram juntos aos cachorros. “Estou muito feliz e animado, sinto muita saudade da família e dos amigos”, conta Edival Lima.

  • Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB
    Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB HUB/Divulgação
  • Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB
    Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB HUB/Divulgação
  • Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB
    Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB HUB/Divulgação
  • Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB
    Edival recebe familiares em encontro na área externa do HUB HUB/Divulgação
 

As filhas do paciente contaram o que acharam da ação. “É um momento único, tudo feito com muito cuidado, cumprindo todos os protocolos. Falo com ele por vídeo e telefone, mas não é a mesma coisa de estar aqui, ver ele de perto”, afirma Elisângela Lima, uma das filhas de Edival. “Uma pessoa internada precisa de afeto e carinho. E, graças ao carinho dos profissionais daqui, meu pai está podendo ver a família hoje”, acrescenta Elizabete Lima, também filha de Edival.

 

Esta foi a segunda visita da família de Edival. A primeira ocorreu em abril, quando o aposentado completou 60 dias de internação. Psicóloga do HUB, Pollyana Santos explica como surgiu a ideia da ação: “Percebi que ele falava muito da família e dos animais de estimação e surgiu essa ideia. Vivenciar isso no meio da pandemia requer muita força e a família precisa de muito cuidado nesse momento”.

Com informações do HUB

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE