VIOLÊNCIA

Pai mata filho em Ceilândia: bebida e agressão à mulher provocaram briga

Vizinhos relataram que uma grande briga antecedeu o tiro que matou o filho

Darcianne Diogo
Luana Patriolino
postado em 28/07/2021 01:54 / atualizado em 28/07/2021 14:02
Policiais militares do DF chegaram no local, prenderam o suspeito e o encaminharam à delegacia -  (crédito: Reprodução/PMDF)
Policiais militares do DF chegaram no local, prenderam o suspeito e o encaminharam à delegacia - (crédito: Reprodução/PMDF)

Um homem foi preso suspeito de matar o filho com um tiro no peito, na madrugada dessa quarta-feira (28/7), dentro de um apartamento na QNN 12 de Ceilândia Sul. A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) esteve no local e levou o pai preso.

No apartamento morava a vítima e a mulher. Testemunhas relataram ao Correio que o pai também estava na residência e todos ingeriam bebida alcoólica. Momentos antes do crime, por volta de 00h, houve uma discussão e vizinhos acionaram a Polícia Militar do Distrito Federal. "Ele (filho) começou a agredir a mulher e o pai foi apartar a briga. Eles discutiram e o filho ficou falando: 'Atira, atira'. Aí, ele atirou. Isso foi por volta de 30 minutos depois", relatou.

Segundo a testemunha, após atirar contra o filho, o pai saiu do apartamento sujo de sangue. Policiais militares do DF chegaram minutos depois, prenderam o suspeito e o encaminharam à delegacia. O rapaz não resistiu aos ferimentos e morreu no local. "Não é a primeira vez que isso acontece. Aconteciam brigas entre o filho e a mulher constantemente e o pai sempre vinha para intervir", afirmou a moradora.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE