Investigação

PCDF prende homem com 260 gigas de pornografia infantil

Policiais localizaram, na quarta-feira (11/8), um homem que possuía vídeos e fotos de crianças em sua residência

Rafaela Martins
postado em 12/08/2021 15:17 / atualizado em 12/08/2021 15:18
O homem enfrentou os policiais e foi preciso arrombar o apartamento para entrar -  (crédito: Luis Nova/Esp. CB/D.A Press)
O homem enfrentou os policiais e foi preciso arrombar o apartamento para entrar - (crédito: Luis Nova/Esp. CB/D.A Press)

A equipe da Delegacia de Proteção da Criança e do Adolescente (DPCA), acompanhada de Perito Criminal, prendeu, nesta quarta-feira (11/8), um homem que guardava em sua residência materiais de pornografia infantil. A polícia deu voz de prisão e encaminhou o homem para a delegacia. Durante a abordagem, o investigado xingava a equipe de dentro do apartamento e foi necessário o arrombamento para entrada.

Durante o cumprimento do mandado, a PCDF encontrou, no quarto do homem, grande quantidade de material pornográfico, analisado em 260 gigas. Dentre eles havia revistas e fotos impressas de crianças. Foi apreendido um notebook, um celular e um HD externo. Ainda na residência, ao verificar o computador, o perito criminal encontrou fotos e vídeos pornográficos.

Na delegacia especializada em varredura aos eletrônicos apreendidos, o perito encontrou também cerca de 260 gigas de arquivos em fotos e vídeos de pornografia infantil. O denunciado também armazenava fotos e vídeos pornográficos de adolescentes.

Por se tratar de crime permanente na modalidade "armazenar", a equipe policial efetuou a prisão em flagrante do investigado pelos crimes do art. 241-B do ECA (lei nº. 8.069/90). Ele pode cumprir pena de até quatro anos. O homem também será acusado de desobediência e desacato.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE