Triplo homicídio

Mais de 70 policiais buscam homem que matou grávida, enteada e fazendeiro

O crime aconteceu na noite deste domingo (29/11), em Corumbá de Goiás, região com pouco mais de 11 mil moradores e distante cerca de 124km de Brasília

Darcianne Diogo
postado em 29/11/2021 17:18
 (crédito: Material cedido ao Correio)
(crédito: Material cedido ao Correio)

Mais de 70 policiais civis e militares participam das buscas pelo homem acusado de assassinar a mulher grávida de 4 meses, a enteada, de 1 ano e 8 meses, e um fazendeiro. O crime aconteceu na noite deste domingo (29/11), em Corumbá de Goiás, região com pouco mais de 11 mil moradores e distante cerca de 124km de Brasília.

Segundo informações da Polícia Civil do Estado de Goiás (PCGO), as buscas se concentram em Corumbá, Alexânia, Abadiânia e Anápolis. Os policiais contam com helicóptero na caçada. O triplo homicídio chocou os moradores da região, que ficaram abalados ao saber da notícia.

De acordo com a Polícia Militar, Wanderson Mota Protácio assassinou a mulher e a criança dentro de casa a facadas. Depois disso, foi até a fazenda do patrão, onde furtou um revólver com seis munições e se deslocou até uma propriedade vizinha. Na fazenda, ele matou o fazendeiro Roberto Clemente de Matos e tentou estuprar a esposa dele.

A mulher ainda foi baleada e, de acordo com a apuração policial, fingiu-se de morta para escapar com vida. O assassino levou a caminhonete de Roberto e abandonou o veículo após alguns quilômetros, na GO-225. Neste momento, equipes da PMDF e PCGO estão em diligências para localizar o criminoso.

 

  • Mulher morta estava grávida de 4 meses
    Mulher morta estava grávida de 4 meses Material cedido ao Correio
  • Homem abandonou caminhonete na beira de estrada
    Homem abandonou caminhonete na beira de estrada Material cedido ao Correio

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE