Previsão do tempo

Prepare o guarda-chuva! Mês de dezembro começa com muitas chuvas no DF

O primeiro dia do mês promete ser chuvoso. A temperatura máxima não deve ultrapassar 27ºC durante o dia. Há risco de chuvas intensas

Júlia Eleutério
postado em 01/12/2021 09:17
 (crédito: ED ALVES/CB/D.A.Press)
(crédito: ED ALVES/CB/D.A.Press)

O último mês do ano começou trazendo mais chuvas para o Distrito Federal. A previsão do tempo é de um dia nublado e chuvoso nesta quarta-feira (1º/12). Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a máxima ficará em torno de 27ºC na capital. A temperatura mínima registrada foi de 19ºC. O céu tende a ficar nublado com pancadas de chuvas e trovoadas isoladas ao longo do dia, além da possibilidade de rajadas de vento. A umidade relativa do ar ficará entre 55% e 95% para o dia.

A meteorologista Andrea Ramos avalia que dezembro deve ser chuvoso. “A tendência é de um mês chuvoso fechando a primavera e iniciando o verão, porque é no verão que nós temos as maiores chuvas. Então, o esperado é que dezembro seja de mais chuvas no DF”, alertou a meteorologista, recordando que a estação do verão começa em 21 de dezembro. “As maiores chuvas acumuladas são exatamente no verão, é a estação do ano que mais chove”, completou. Para dezembro, a quantidade de chuva esperada é de 241,5 mm.

Além da previsão para o mês, Andrea destaca que dezembro deve seguir a tendência dos meses anteriores com muitas chuvas. “Nós estamos desde outubro com chuvas acima da média registradas aqui no DF, então a primavera começou bem chuvosa”, ressaltou a meteorologista. Na estação do Sudoeste foi registrado um volume de 349,8 mm de chuva, ficando 55% acima do esperado para o mês de novembro. Em Brazlândia, os valores também foram maiores com um volume de 336,2 mm, sendo 50% mais do que a média.

O Inmet emitiu um alerta laranja para o perigo das chuvas intensas na região do DF. Os ventos intensos podem atingir de 60 a 100 km/h. Além disso, há risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas, conforme o alerta. Em casos de emergências ou situações de risco, é recomendado entrar em contato com a Defesa Civil (telefone 199) ou o Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Cuidados

  • Em caso de rajadas de vento: não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda;
  • Se possível, desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE