Loteria

Dia de arriscar aquela "fezinha" de olho nos R$ 120 milhões da Mega-Sena

Às 20h de hoje, um sortudo poderá levar o prêmio acumulado no concurso 2693. No DF, apostadores estão confiantes no sorteio já que, nos últimos sorteios, brasilienses bateram na trave, acertando cinco dos seis números

Maria Isidora aposta para ajudar os outros e abrir uma empresa -  (crédito: Letícia Mouhamad/CB/D.A Press)
Maria Isidora aposta para ajudar os outros e abrir uma empresa - (crédito: Letícia Mouhamad/CB/D.A Press)
postado em 27/02/2024 06:11

Será que a sorte estará ao seu lado? Na noite de hoje, o sorteio dos R$ 120 milhões da Mega-Sena pode fazer ao menos mais uma pessoa feliz. Para os brasilienses, vale arriscar uma fezinha nas lotéricas locais — consideradas pés-quentes — e torcer. Afinal, no último sábado, duas apostas e um bolão do Distrito Federal acertaram cinco das seis dezenas sorteadas, levando R$ 88 mil.

Na Rodoviária do Plano Piloto, apostadores estavam animados e confiantes em levar a bolada. A cobradora Bárbara Andreia Soares, 48 anos, é daquelas que não perdem a oportunidade de tentar a sorte. Joga todos os dias. Sempre na Quina e, quando está com um dinheiro a mais, na Mega-Sena. Os bolões da Virada e da Independência são os preferidos e nos que deposita mais fé.

"Na Quina, já acertei um terno (três acertos) e um duque (dois acertos). Às vezes, guardo um jogo que já fiz e repito os números nas próximas três jogadas. Penso: 'não deu na primeira vez, mas vai que agora tenho sorte'", comentou, aos risos. Caso ganhe, garantirá a casa própria e investirá nos estudos dos três filhos.

Já a agricultora Maria Isidora Costa, 51, ressalta que R$ 120 milhões é muito dinheiro e sonhar alto não faz mal a ninguém. "Com essa bolada, eu montaria um negócio para cada um dos meus filhos, iria morar na praia e ajudaria os parentes mais necessitados no Maranhão. Família é para isso, né? Também contribuiria com uma instituição de caridade e abriria uma empresa para gerar emprego a 'pais de família'", listou.

Apesar dos planos, a moradora de Sobradinho contou que joga poucas vezes, apenas quando está acumulado. "Não costumo entrar em bolões e, quando aposto, faço no máximo três jogos. Quem sabe não dê certo, não é? É questão de sorte", garantiu.

O vigilante William Rafael Almeida, 35, também costuma jogar quando o prêmio está acumulado, mas não deixa de entrar em bolões. "Sempre participo. Neste último jogo, acertamos uma quadra e faturamos R$ 666. Cada um levou R$ 28,97", detalhou. O morador de Valparaíso explicou que, dentro do grupo do bolão, um dos participantes faz cálculos estatísticos, o que aumenta as esperanças de ganhar o prêmio. "Se eu levasse a bolada, deixaria o dinheiro guardado por um tempo. Depois decididia o que fazer", revelou.

Sorte

No início do mês, um sortudo de Brasília levou R$ 94.839.718,02 da Mega-Sena. A aposta simples — de seis números e que custou apenas R$ 5 — foi registrada na Casa Lotérica da 106 Sul. No sábado, um bolão feito na Esplanada acertou cinco dezenas e faturou R$ 88 mil.

Na última quinta, três apostas simples do DF acertaram cinco das seis dezenas. Uma foi feita de maneira virtual e as outras duas em lotéricas físicas: uma foi na Lotérica Arapoanga, no Condomínio Mansões Arapoanga, e a outra na Lotérica Magia da Sorte, na 711 da Asa Norte. O prêmio foi de R$ 65 mil.

Em 20 de fevereiro, outro bolão feito na Asa Sul acertou, também, cinco dezenas e faturou R$ 189 mil; outras quatro apostas faturaram R$ 63.167,59 cada. Em janeiro, duas apostas acertaram a quina e levaram R$ 53 mil cada. Destas jogadas, uma foi feita através de canais eletrônicos e a outra na lotérica do shopping Conjunto Nacional.

Como jogar

Para apostar, é preciso escolher de seis a 15 dezenas por cartela. O jogo simples, de seis dezenas, custa R$ 5. Em uma aposta com seis números jogados, a probabilidade de ser ganhador é de 50.063.860 para um e, na de 15 números, a probabilidade sobe para 10.003 para cada cartela. Os sorteios da Mega-Sena são realizados três vezes por semana, às terças, às quintas e aos sábados.

Quem tem 18 anos ou mais pode apostar on-line. Basta se registrar no site loteriasonline.caixa.gov.br e ter um cartão de crédito para o pagamento da aposta. O cadastramento ocorre em duas etapas: após preenchimento dos dados no site, um número de confirmação (token) é encaminhado para o e-mail do jogador.

 

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação