Música

Live do RBD disputa o recorde de maior bilheteria virtual do mundo

A apresentação do RBD, que marca o reecontro da banda depois de um hiato de mais 10 anos, está marcada para 26 de dezembro

Correio Braziliense
postado em 07/10/2020 15:48 / atualizado em 07/10/2020 17:36
 (crédito: Universal Music/Divulgação)
(crédito: Universal Music/Divulgação)

Ainda que muitos tenham questionado o alto valor dos ingressos, o show virtual do grupo RBD pode ser o próximo a quebrar o recorde de bilheteria. A demanda de pré-venda para a apresentação, que ocorrerá em 26 de dezembro, foi alta o suficiente para ser prorrogada por mais um dia. No entanto, as vendas abertas ao público geral começam nesta quarta-feira (7/10), por meio do site oficial do evento. O valor do tíquete é US$ 35, aproximadamente R$ 197.

Atualmente, o título de apresentação on-line com venda de ingressos mais vista no mundo é da banda de K-pop BTS. A live feita pelo grupo, em junho deste ano, foi contemplada por um público de 107 países distintos, de acordo com a Variety e teve mais de 350 mil ingressos vendidos. O espetáculo do RBD já vendeu mais de R$ 100 mil ingressos, segundo a jornalista mexicana Ana Maria Alvarado.

O aumento das vendas da live da banda se deu, também, por recentemente ter sido comemorado o Dia Mundial do RBD. Milhares de fãs saudosos relembraram momentos marcantes do grupo por meio das redes sociais com a hashtag Ser o parecer 2020.

A apresentação contará com a presença de Anahí, Maite Perroni, Christian Chávez e Christopher Von Uckermann. Por motivos pessoais, Dulce Maria e Alfonso Herrera não participarão do evento.

Convidados para a live Ser o parecer

Além dos quatro integrantes do grupo, fãs especulam que haja convidados especiais para edição que marca o reencontro da banda. No Instagram, Maite Perroni e Anahí, em resposta à Anitta, fizeram o público questionar sobre uma possível colaboração da cantora, que já admitiu ser fã de RBD. Maite escreveu “te esperamos”. Já Anahí, “Anitta muito obrigada. Você é o máximo”.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação