Música

Gloria Groove se afasta do pop e mergulha no R&B no EP Affair

EP visual, 'Affair', é composto por cinco faixas inéditas de Gloria Groove

Correio Braziliense
postado em 31/10/2020 06:01
 (crédito: Rodolfo Magalhães/Divulgação)
(crédito: Rodolfo Magalhães/Divulgação)

Perpassado de ritmo e blues, a cantora Gloria Groove inicia uma nova fase da carreira por meio do EP visual Affair, composto por cinco faixas inéditas em R&B. A escolha reflete o íntimo da artista apresentando a persona e o intérprete lado a lado na mesma obra, ou seja, a drag e o cantor Daniel Garcia — Gloria Groove desmontada.

“É o affair que eu mesmo tenho com o Daniel e com a Gloria, acho que eles estão começando a dividir os holofotes. A drag me deu tudo que não tinha antes, o maior affair que existe é o meu com a minha persona. Realmente, existe essa dualidade na minha vida, e, para mim, faz todo sentido protagonizar essa imagem com todos os lados”, conta.

“As cinco faixas representam, para mim, as cinco fases da paixão, e cada uma foi para um braço da sonoridade do R&B. O EP é mais sobre a relação com a minha cabeça e minha persona do que, necessariamente, um relacionamento”, disse a artista que ficou conhecida pelo hit Bumbum de ouro (2017).

As composições do novo projeto contam com uma faceta romântica, mas com altos e baixos dos sentimentos, como a sofrência. A artista conta que há faixas mais apaixonadas e outras mais tóxicas, mas o sentimento sempre será a base. Até o momento, duas das cinco músicas estão disponíveis nas principais plataformas digitais de música, A tua voz e Vício.

Além do EP em R&B, a cantora lançou Incondicional, ao lado da mãe, Gina Garcia, e Deve ser horrível dormir sem mim, em parceria com Manu Gavassi. “É uma coisa que está na nossa vida e na nossa referência em comum. A gente se viu em um momento muito incomum, em que estávamos juntas em casa e próximo do Dia das Mães. Incondicional sou eu colocando a minha vulnerabilidade em cima da mesa”, declara a jovem, que estreia como apresentadora do reality Nasce uma rainha, da Netflix, em 11 de novembro celebrando a arte drag.

No início do mês, Gloria Groove foi a capa da Vogue. O projeto também contou com edições estampadas por Pabllo Vittar, Bianca DellaFancy e Halessia, e marca a história como as primeiras drags a saírem na capa da Vogue Brasil.

Affair
De Gloria Groove. Pela SB Music, cinco faixas. Disponível em todas as plataformas digitais.

*Estagiária sob supervisão de Igor Silveira

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação