Série

Mulher-Maravilha: CW desiste de fazer série da brasileira Yara Flor

A produção com a Mulher-Maravilha brasileira não foi aprovada, segundo confirmou a roteirista Dailyn Rodriguez

Correio Braziliense
postado em 15/02/2021 12:06
Yara Flor: Mulher-Maravilha que veio da Amazônia seguirá a carreira nas HQs -  (crédito: DC Future State/ Divulgação)
Yara Flor: Mulher-Maravilha que veio da Amazônia seguirá a carreira nas HQs - (crédito: DC Future State/ Divulgação)

A produtora norte-americana The CW desistiu de fazer uma série protagonizada pela Mulher-Maravilha brasileira, Yara Flor, recém-criada nos quadrinhos da DC Comics. A notícia foi dada pela roteirista Dailyn Rodriguez (A rainha do Sul), nas redes sociais.


“Más notícias''. Para quem perguntou, Mulher-Maravilha não será encomendada pela CW. Estava muito orgulhosa do roteiro que escrevi. Queria poder compartilhar o mundo que criei, mas infelizmente não foi dessa vez. Obrigado pelo entusiasmo de todos. Significava muito para mim”, escreveu no Twitter.

Na trama, que não foi para frente, Yara Flor é filha de uma guerreira Amazonas e de um Deus dos rios brasileiros. Após descobrir os próprios poderes, ela passa a combater as forças do mal. Ela seria a primeira heroína latina da DC Comics.

Além de Dailyn Rodriguez como roteirista e produtora, o projeto também seria produzido por Greg Berlanti (Supergirl). Recentemente, a CW também anunciou que não seguiria em frente com Green Arrow and the canaries, série derivada de Arrow.

Apesar da desistência, a personagem ainda terá vez nas histórias em quadrinhos, intitulada Future state: Wonder Woman, prevista para maio de 2021.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE