Música

Impulsionado por Charlie Puth, Elton John lança ‘The lockdown sessions’

Elton John diz que fez álbum por incentivo de Charlie Puth. 'The lockdown sessions' tem parcerias com Dua Lipa, Eddie Vedder e Miley Cyrus

*Isabela Berrogain
postado em 01/11/2021 15:36
 (crédito: gregg kemp)
(crédito: gregg kemp)

The lockdown sessions, lançado no fim de outubro, é o novo projeto musical do cantor britânico Elton John. Gravado remotamente durante a pandemia, o álbum de 16 faixas, sendo dez delas inéditas, conta com a participação de grandes nomes da música atual como Charlie Puth, Dua Lipa, Eddie Vedder, Gorillaz, Lil Nas X, Miley Cyrus, Nicki Minaj, Stevie Nicks e Stevie Wonder. Além de unir diferentes gêneros musicais, o disco traz Elton de volta às raízes como músico de estúdio.

O projeto começou a ser criado após o cantor ser forçado a adiar a turnê Farewell yellow brick road devido à pandemia da covid-19. “Eu não tinha nenhum plano de fazer música durante o lockdown, então isso realmente foi criado por acidente”, conta Elton John em entrevista cedida ao Correio pela Universal Music Brasil.

“É basicamente tudo culpa do Charlie Puth”, revela. “Tudo começou em março de 2020, quando eu conheci o Charlie Puth em um restaurante em Los Angeles. Eu nunca o havia conhecido, sendo que ele mora apenas a quatro portas de distância de mim em Los Angeles. Ele disse: ‘Eu tenho um estúdio, se você quiser visitar e escrever algo enquanto está aqui’. Então eu fui e a música acabou aparecendo no álbum, After all, e foi fantástico”, relembra.

Impulsionado pelo encontro musical com Puth, Elton foi à casa de seu editor musical no dia seguinte e escreveu, virtualmente, a faixa Learn to fly, parceria com o grupo Surfaces. “Essa foi a primeira coisa que eu fiz pelo Zoom”, pontua Elton John.

A partir daí, as demais parcerias surgiram de forma orgânica e natural. As colaborações com Gorillaz e Rina Sawayama, por exemplo, surgiram de convites dos próprios artistas. Em seguida, vieram as participações de Metallica, Miley Cyrus, Years & Years, Glen Campbell e Lil Nas X, que fizeram Elton John notar, pela primeira vez, que estava criando um novo álbum.

Já em 2021, nasceu Cold heart, parceria com Dua Lipa e maior sucesso do disco. “Nós levamos Dua Lipa para jantar em Los Angeles e nós viramos amigos. Meu empresário disse a ela: ‘Ouça a faixa e veja se você gosta. Toque ela na beira da piscina bem alto e depois ligue para nós. Ela, de fato, tocou a música bem alto à beira da piscina e depois nos ligou dizendo ‘Estou dentro, quero participar’”, conta Elton John. Dessa forma, o britânico resolveu continuar a construção do disco. Ao voltar para os estúdios, Elton gravou as parcerias com Brandi Carlile, Eddie Vedder, Stevie Wonder, Young Thug, Nicki Minaj, Stevie Nicks, SG Lewis e Jimmie Allen, completando as 16 faixas.

Com The lockdown sessions, Elton John alcançou, pela oitava vez, o topo da parada britânica de venda de discos. Foram vendidas mais de 80 mil cópias do trabalho, sendo 85% delas de álbuns comprados em CD ou vinil.

*Sob supervisão de Nahima Maciel

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE