TELEVISÃO

Saiba por onde anda Fernanda Machado, a Joana da novela "Paraíso tropical"

No ar no Vale a pena ver de novo, atriz de 43 anos se despediu de "Amor à vida", sua última novela, há exatos 10 anos. Atualmente, Fernanda Machado vive nos EUA com o marido e os dois filhos, mas pode ser vista na série "Impuros", do Star+

 Fernanda Machado, atriz que fez Joana em Paraíso Tropical -  (crédito:  Arquivo Pessoal)
Fernanda Machado, atriz que fez Joana em Paraíso Tropical - (crédito: Arquivo Pessoal)
postado em 05/02/2024 17:32

No ar em Vale a pena ver de novo, Paraíso tropical foi protagonizada oficialmente por Alessandra Negrini, Gloria Pires e Camila Pitanga, mas, em determinado momento, quem roubou a cena foi Fernanda Machado. Sua personagem, Joana, uma jovem de classe média, moradora de Copacabana, sofre dois golpes emocionais e financeiros seguidos e, para vencer o prejuízo, decide se tornar garota de programa. Hoje vivendo nos Estados Unidos e afastada das novelas há dez anos, a atriz conversou com o Correio sobre a repercussão da reprise e as lembranças desse trabalho marcante.

Novelão de catiguria, Paraíso Tropical está de volta

"Eu já sabia da trajetória dramática da Joana, só que novela é uma obra aberta, então a gente conhece esse desenho que existe programado para a personagem, mas como é uma obra aberta, tudo pode acontecer a qualquer momento. Ela tinha uma curva dramática incrível, que ia começar como uma menina bacana, batalhadora, honesta, namorando um cara apaixonado, que daria um golpe nela e ela ia acabar se prostituindo", contou Fernanda.

A atriz relatou que houve um certo medo de o Gilberto Braga, o autor, desistir da trajetória prevista para Joana. "Se o público não estivesse respondendo bem ou alguma coisa ou outra... Eu fui dando o melhor de mim e fiquei muito feliz, quando eu vi que ele não mudou e que a Joana ganhou um espaço enorme na novela, com o público, mas foi uma surpresa esse sucesso", declarou.

Lembranças

Fernanda tem várias lembranças boas da novela, e outras nem tanto. "Algo que eu não vou esquecer nunca foi quando a Joana já estava naquele momento intenso bem dramático dela na novela e eu estava gravando muitas cenas difíceis, de intensidade dramática e sofrendo muito com a personagem, acabei perdendo 9kg e acabei ficando bastante doente. Acho que o meu sistema imunológico baixou muito porque eu estava realmente vivendo a dor dela, absorvendo aquela energia", explicou ela.

"Você grava umas 12 horas por dia chorando. Eu estava magrinha, meio destruída, e um dia, entrando no estúdio, o Tony Ramos me parou na frente de todo mundo e veio dizer que estava encantado com meu trabalho, impressionado com o meu talento. Aquilo me deixou muito feliz, e essa declaração dele me deu uma levantada, de que estava valendo a pena", declarou, emocionada.

Com a reprise no ar, Fernanda vem recebendo o retorno do público. "Mesmo estando longe, eu acabo sentindo pelas redes sociais. Muita gente acaba comentando no Instagram, de vez em quando, que está acompanhando a Joana. Fui para o Brasil no final do ano para passar Natal e Ano Novo com a minha família e foi lá que eu senti a resposta das ruas. Todo mundo vinha falar comigo e é sempre muito legal ver o carinho do público e ver que as pessoas estão entrando na história, curtindo, vibrando por ela e sofrendo com ela", celebrou.

Streaming

Para quem está curioso por onde anda a intérprete de Joana de Paraíso tropical, Fernanda Machado vive com o marido e os filhos nos Estados Unidos. Ela está afastada das novelas desde o trabalho como a vilã Leila de Amor à vida (2013/14), mas, no intervalo, gravou duas temporadas da série Impuros, da Star+, entre 2017 e 2019. Por conta da nova estrutura familiar, a atriz dificilmente será vista em outra novela, mas admite poder marcar presença em produções com menor duração.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação