Telecomunicações

5G: Claro, Vivo e TIM arrematam lotes da faixa principal do leilão

Faixa de 3,5 GHz é exclusiva para a tecnologia 5G e permite a transmissão de dados em altíssima velocidade. Abrange, principalmente, o setor varejista e industrial nas áreas urbanas

Fernanda Fernandes
postado em 04/11/2021 14:42 / atualizado em 04/11/2021 14:48
 (crédito:  AFP / Pau BARRENA)
(crédito: AFP / Pau BARRENA)

As operadoras Claro, Vivo e TIM arremataram a faixa de 3,5 GHz (gigahertz ), a principal utilizada na oferta da tecnologia 5G no mundo e orçada em cerca de R$ 30 bilhões. A compra foi realizada durante o leilão do 5G, promovido pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) nesta quinta-feira (4/11). A agência prevê que o arremate de todos os lotes oferecidos deva movimentar, até amanhã, quando termina o leilão, R$ 49,7 bilhões.

Dividido em três lotes, este foi o segundo arremate do leilão. O prazo de direito de exploração, tanto desta quanto das demais faixas leiloadas, será de até 20 anos. Exclusiva para a tecnologia 5G, a faixa de 3,5 GHZ permite a transmissão de dados em altíssima velocidade e abrange, principalmente, o setor varejista e industrial nas áreas urbanas.

Segundo informações da Anatel, R$ 29 bilhões do total pago pela faixa 3,5 GHz serão destinados ao cumprimento das obrigações previstas no edital de licitação do leilão, definidas pelo Ministério das Comunicações e validadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pela Anatel. Entre essas contrapartidas está, por exemplo, a instalação de rede de fibra ótica em regiões do interior do país e a disponibilização do 5G em todas as capitais, até julho de 2022.

Além da principal faixa de frequência leiloada pelas três maiores operadoras do país, o edital do leilão prevê outras três: 700 MHz (já arrematada pela operadora Claro), 2,3 GHz e 26 GHz. Essas faixas são vendidas em blocos nacionais e regionais e ofertadas pelas 15 operadoras participantes do processo de licitação.

O leilão do 5G teve início na manhã desta quinta-feira e contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro e dos ministros de Estado. O evento também é realizado em celebração aos 24 anos da Anatel. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE