PRÊMIO

Pilotos de Fórmula 1 levam troféus para Bola de Ouro e chocam público

Aparição das estrelas das pistas foi considerada como o "maior crossover" esportivo do ano

Talita de Souza
postado em 29/11/2021 20:31
Ação que trouxe mistério e entusiasmo ao público foi promovida pela Alpine Cars, patrocinadora do evento Bola de Ouro -  (crédito: Twitter/Reprodução)
Ação que trouxe mistério e entusiasmo ao público foi promovida pela Alpine Cars, patrocinadora do evento Bola de Ouro - (crédito: Twitter/Reprodução)

Pouco antes de Lionel Messi e Alexia Putellas serem coroados os melhores do mundo no futebol, na categoria masculina e feminina, na tarde desta segunda-feira (29/11), os troféus da 65ª edição da Bola de Ouro foram entregues de maneira misteriosa por dois homens com capacetes.

Em vários vídeos compartilhados nas redes sociais da revista France Football, que promove a premiação, o mistério era mantido. “Os troféus estão prontos e a caminho da premiação. Abra os olhos, você provavelmente viu alguma coisa”, escreveram na legenda de um vídeo em que os dois homens colocam os troféus no porta mola de um carro esportivo de luxo e partem por Paris.

Ao chegar no local do prêmio, os ‘entregadores’ entraram no salão da premiação, em Paris, com as duas Bolas de Ouro em mãos e caminharam até o palco. O público atento e calado observava com curiosidade. Em seguida, as identidades dos homens foram reveladas: eram Fernando Alonso e Esteban Ocon, pilotos de Fórmula 1.

Em um registro compartilhado pelo perfil da premiação, é possível ver o espanto das estrelas do futebol ao reconhecer os homens: Messi e Kylian Mbappé aplaudem em êxtase. Veja:

A ‘entrega’ foi mais do que uma brincadeira para divertir o público: foi uma ação publicitária para lembrar que a Alpine Cars, marca que promove os dois pilotos na Fórmula 1, era patrocinadora do evento.

“A Alpine e a Ballon d’Or (Bola de Ouro) foram criadas com um ano de diferença, em 1955 e 1956 respectivamente. Além disso, ambas foram fundadas com a mesma ambição: promover o desempenho em seus respectivos campos”, disse a Alpine em um comunicado.

“Esta parceria é baseada nessa herança compartilhada, o que nos permite celebrar plenamente a excelência esportiva e os valores universais que personificamos hoje: superar-se, respeitar, demonstrar espírito esportivo e buscar a excelência”, pontuaram.

Ainda deu tempo de Alonso garantir um autógrafo do meio-campista Pedri, do Barcelona, que conquistou, na mesma premiação, o Troféu Kopa, dado ao melhor jogador sub-21 do ano.


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE