JUSTIÇA

Defesa de Daniel Alves diz que vai recorrer da condenação

O advogado afirmou que Daniel Alves não ficou abalado com a sentença

O advogado afirmou que Daniel Alves não ficou abalado com a sentença e que agora a defesa vai estudar o documento
O advogado afirmou que Daniel Alves não ficou abalado com a sentença e que agora a defesa vai estudar o documento "com calma" - (crédito: Reuters)
postado em 22/02/2024 08:15 / atualizado em 22/02/2024 08:15

O advogado de Daniel Alves afirmou que vai recorrer da sentença que condenou o jogador a 4 anos e seis meses de prisão, além de uma multa por lesão corporal. O jurista afirma que continua “acreditando na inocência do senhor Alves”. A declaração foi feita ao jornal catalão La Vanguardia.

O advogado afirmou que Daniel Alves não ficou abalado com a sentença e que agora a defesa vai estudar o documento “com calma”.

O jogador Daniel Alves foi condenado, na manhã desta quinta-feira (22/2), a 4 anos e seis meses de prisão por estupro. O jogador ainda terá de pagar 150 mil euros à vítima. A agressão sexual foi cometida em dezembro de 2022, em Barcelona, na Espanha.

A Justiça espanhola considerou, na decisão publicada duas semanas após o fim do julgamento, que "está provado que a vítima não consentiu e que existem elementos de prova, além do depoimento da denunciante, para entender como comprovado o estupro".

A juíza do caso convocou Daniel e as partes do julgamento na quarta-feira (21/2) para uma audiência nesta quinta. O julgamento ocorreu entre 5 e 7 de fevereiro e a sentença pode ser proferida até 7 de março, mas a leitura foi antecipada.

No julgamento, Daniel Alves negou a agressão sexual e alegou que a relação com a vítima foi consensual.

Ao longo do processo de investigação do caso, Daniel Alves trocou cinco vezes de versão sobre o ocorrido em 30 de dezembro de 2022. Em janeiro do ano seguinte, ele negou que teve relações sexuais com a vítima e que nem a conhecia, quando questionado por um programa de TV da Espanha.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação