Eleição

Em Taiwan, candidato crítico à China vence eleição para presidente

Lai Ching-te conta que largou a sua carreira como médico para ser político devido as exercícios militares da China antes da primeira eleição presidencial aberta de Taiwan em 1996

O presidente eleito de Taiwan, Lai Ching-te, dirige-se aos apoiadores ao lado de seu companheiro de chapa, Hsiao Bi-khim  -  (crédito: Yasuyoshi CHIBA / AFP)
O presidente eleito de Taiwan, Lai Ching-te, dirige-se aos apoiadores ao lado de seu companheiro de chapa, Hsiao Bi-khim - (crédito: Yasuyoshi CHIBA / AFP)
postado em 13/01/2024 10:41

O atual vice-presidente de Taiwan, Lai Ching-te foi eleito presidente neste sábado, 13 e irá governar a ilha asiática pelos próximos quatro anos. Ching-te mantém o Partido Democrático Progressista (DPP da sigla em inglês) no poder após dois mandatos da atual presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen.

Lai Ching-te conta que largou a sua carreira como médico para ser político devido as exercícios militares da China antes da primeira eleição presidencial aberta de Taiwan em 1996. "Eu queria proteger a democracia que acabava de começar em Taiwan. Desisti do meu emprego bem remunerado e decidi seguir os passos dos nossos mais velhos na democracia", disse Lai.

O presidente eleito deve reforçar as diferenças de Taipé com a China, que considera a ilha autogovernada seu território.

A oposição, representada por Hou Yu-ih, do Partido Nacionalista, chamado de Kuomintang, afirmou durante a campanha que o DPP poderia entrar em guerra com a China se ganhasse as eleições.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

-->