Reino Unido

Foto da princesa Kate: um "desastre" de comunicação

Na foto, a esposa do herdeiro da coroa britânica, William, estava sorridente ao lado de seus três filhos. Poucas horas depois, foram descobertas manipulações na foto

Princesa de Gales com os filhos, fotos tiradas em 11 de março mostra uma foto de apostila divulgada pelo Palácio de Kensington em 10 de março -  (crédito: PRINCE OF WALES / KENSINGTON PALACE / AFP)
Princesa de Gales com os filhos, fotos tiradas em 11 de março mostra uma foto de apostila divulgada pelo Palácio de Kensington em 10 de março - (crédito: PRINCE OF WALES / KENSINGTON PALACE / AFP)
postado em 12/03/2024 16:19

A foto retocada da princesa Catherine de Gales criou uma situação desconfortável para a realeza britânica, instaurando um clima de desconfiança sobre futuras informações fornecidas pela monarquia.

O jornal Daily Mail, tradicionalmente fiel à coroa britânica, foi explícito na manchete desta terça-feira (12) na primeira página: "Como a foto de Catherine se tornou um desastre de comunicação?".

Durante o Dia das Mães, no domingo (10), foi divulgada uma foto da princesa de Gales, Catherine, de 42 anos, a primeira desde uma misteriosa operação abdominal da qual os detalhes são desconhecidos. 

Na foto, a esposa do herdeiro da coroa britânica, William, estava sorridente ao lado de seus três filhos. Poucas horas depois, foram descobertas manipulações na foto.

- Rumores e especulações -

Após sua operação no meio de janeiro, o Palácio de Kensington, responsável pela comunicação dos príncipes de Gales, não forneceu muitas informações sobre a condição de Kate, proporcionando um terreno fértil para rumores e especulações.

Quando foram apontadas as alterações na foto, as agências de notícias internacionais, incluindo a AFP, decidiram retirá-la.

Se normalmente é a família real que evita a imprensa, neste caso a situação se inverteu, e foram os meios de comunicação que rejeitaram uma informação da realeza.

"Tradicionalmente são eles que não aceitam a imprensa, mas, desta vez, os meios de comunicação ficaram irritados com os Windsor", resumiu o autor de vários livros de fotografia sobre a monarquia britânica, Ian Lloyd, em declarações reproduzidas pelo The Independent.

Algumas pessoas saíram em defesa da princesa Catherine, como a atriz americana Whoopi Goldberg, em um programa da ABC.

"Desculpe, mas eu conheço poucas pessoas que não manipulam suas fotos", afirmou.

Na segunda-feira, em comunicado, Catherine admitiu o deslize e assumiu a culpa pela manipulação, pedindo desculpas pela confusão causada. O incidente gerou comparações com sua cunhada Meghan Markle, esposa do príncipe Harry, irmão mais novo de seu marido.

"É um erro que Meghan nunca cometeria", disse uma fonte próxima à atriz americana, em declarações ao New York Post. Meghan "tem um olho bom e presta uma atenção extraordinária aos detalhes", acrescentou a mesma fonte.

De qualquer forma, a confiança nas informações fornecidas pelos príncipes de Gales parece instável.

- Clima de desconfiança -

"No contexto atual, qualquer manipulação de uma imagem, mesmo que pequena e sem intenção de induzir ao erro, pode despertar suspeitas", afirmou o diretor do site de verificação Full Fact, Chris Morris.

"As teorias da conspiração surgem quando há um vácuo de informação, então se você quer que acreditem em você, precisa ser transparente", acrescentou.

Segundo Peter Hunt, que antes lidava com notícias da monarquia na BBC, "as pessoas desconfiarão da próxima vez que derem informações sobre a saúde" de membros da família real, em um momento em que o rei Charles III está recebendo tratamento contra um câncer.

O episódio da foto de Catherine ocorre após uma semana de mistério sobre seu estado, na qual William cancelou um compromisso oficial de última hora por "razões pessoais".

Pouco depois, o anúncio da participação de Catherine em um desfile militar, em junho, foi retirado do ar após sua publicação.

Após esses casos, os príncipes de Gales enfrentarão desafios para recuperar a confiança de seus compatriotas em relação às informações sobre a misteriosa condição abdominal de Catherine.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br