Questão indígena

Exército nega apoio a parlamentares para visita à terra yanomami

Comitiva composta por senadores e deputados precisa de suporte aéreo para chegar em Aracaçá, em Roraima

Correio Braziliense
postado em 13/05/2022 12:20 / atualizado em 13/05/2022 13:51
 (crédito: NELSON ALMEIDA / AFP)
(crédito: NELSON ALMEIDA / AFP)

Foi negado pelo Exército um pedido de apoio logístico para que uma comitiva de parlamentares que está em Roraima pudesse visitar as terras indígenas yanomamis. O ofício foi enviado pelo senador Humberto Costa (PT-PE) ao general Marco Antônio Freire Gomes, no último dia 5 de maio.

A comitiva, criada em resposta à crescente tensão entre o garimpo ilegal e os yanomamis neste ano, após denúncias de abusos e violência. Os congressistas estão no estado para apurar as recentes denúncias feitas por indígenas contra garimpeiros e o objetivo é visitar a aldeia de Aracaçá, que só é acessível de avião ou helicóptero, sendo próxima à base militar de Surucucu.

"Pleiteio apoio a Vossa Excelência no sentido de disponibilizar apoio logístico para o deslocamento interno de alguns membros da comitiva, aproximadamente 15 pessoas, de Boa Vista ao distrito de Surucucus, no dia 12 de maio, para que cumpram o múnus de averiguar aquela situação indigenista, para a qual a nação ora volta os olhos", diz o texto, ao qual o jornal Folha de S.Paulo teve acesso.

A resposta foi dada pelo general Francisco Humberto Montenegro Junior, apenas na última quarta-feira (11), quando os parlamentares já estavam em Boa Vista. "Não será possível prestar o apoio, tendo em vista a restrição dos meios aéreos disponíveis na região amazônica", afirma a negativa.

Questionado pelo jornal sobre quais seriam essas restrições, os militares responderam que "a demanda foi analisada e constatou-se que a única forma de conduzir com segurança os parlamentares ao Distrito de Surucuru seria por meio aéreo. Infelizmente, o Exército Brasileiro não teve condições de prestar o apoio devido à restrição dos meios aéreos disponíveis na região Amazônica, na data solicitada".

A comitiva

A comitiva é composta pelos senadores Humberto Costa, Telmario Mota (Republicanos-RR), Chico Rodrigues (União Brasil-RR), Leila Barros (PDT-DF) e Eliziane Gama (Cidadania-MA); além da deputada federal Joenia Wapichana (Rede-RR) e do deputado José Ricardo (PT-AM) — cumpre agenda apenas em Boa Vista.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE