Tráfico de drogas

PMDF apreende mais de 800kg maconha no Paranoá

Dois indivíduos foram presos por transportar 600kg da droga na caçamba de uma pickup Corsa de cor verde. Outra quantidade foi encontrada em condomínio da região

Correio Braziliense
postado em 11/06/2021 15:49 / atualizado em 11/06/2021 18:49
Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250 -  (crédito: PMDF/Divulgação)
Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250 - (crédito: PMDF/Divulgação)

A Polícia Militar do Distrito Federal apreendeu 833kg de maconha prensada, nesta sexta-feira (11/6), no Paranoá, após duas abordagens. Na primeira, policiais de Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam) apreenderam 600kg da droga, na DF-250. O flagrante estava na caçamba de uma pick up Corsa de cor verde. A outra quantidade, 233kg, estava no Condomínio Residencial Privê La Font, no km 4 da rodovia.

Segundo o capitão Ramos, da Rotam, os dois traficantes, com mais de 30 anos cada, foram presos e encaminhados à 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá).

  • Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250
    Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250 PMDF/Divulgação
  • Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250
    Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250 PMDF/Divulgação
  • Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250
    Policiais militares apreenderam 600 kg da droga na caçamba de um carro, na DF-250 PMDF/Divulgação

“Apreendemos maconha com prensa, balanças de precisão e três armas de fogo. No momento em que abordamos o veículo, eles tentaram evadir (fugir), porque estavam em uma pick up corsa de cor verde, encontrada a primeira quantidade na caçamba”, afirma o capitão Ramos.

 

Ainda de acordo com o militar, a droga iria ser comercializada no Distrito Federal e entorno.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE