Ataque

Mulher e criança de 11 anos são mordidos por Pitbull em Samambaia

Uma moradora da QR321, em Samambaia Sul, foi mordida pelo cachorro no fim da tarde desta quinta (16/7). Duas crianças que voltavam da praça também foram atacadas pelo animal

Edis Henrique Peres
postado em 16/07/2021 12:26 / atualizado em 16/07/2021 12:27
Caso é investigado pela 26ª DP -  (crédito: Walder Galvão/CB/D.A Press)
Caso é investigado pela 26ª DP - (crédito: Walder Galvão/CB/D.A Press)

Na noite desta quinta-feira (15/7), moradores da Samambaia Sul relataram ataques de um cachorro pitbull na região. O animal mordeu uma mulher, 21 anos, enquanto ela passeava com seu cachorro da raça shih-tzu. O pitbull também atacou uma criança, 11 anos, que foi mordida ao tentar proteger a sobrinha de 2 anos.

Segundo o relato da proprietária do pitbull, 26 anos, o animal tem 11 meses e fugiu quando a irmã foi ao portão receber um lanche. De acordo com ela, as duas saíram à procura do cachorro imediatamente e o capturaram logo depois. O pitbull foi encontrado na QR 321 e os moradores do local avisaram que o animal havia mordido algumas pessoas. De acordo com a proprietária, em depoimento dado à polícia, o pitbull estava sujo com sangue e ela, ao saber das vítimas, foi até a casa de quem foi mordido para pedir desculpas.

A proprietária também afirma que o animal sempre foi dócil e já fugiu uma vez, mas não atacou nenhuma pessoa. A dona do animal diz que o pitbull não fica preso a correntes e possui livre acesso aos cômodos de sua casa.

Vítimas

Um dos moradores atacados pelo animal foi uma criança de 11 anos. Ele estava acompanhado da sobrinha, 2 anos, e ia chamar o primo que jogava bola na pracinha próxima à residência da família. Quando voltavam para casa, a sobrinha se assustou e tentou correr ao avistar o cachorro vindo em direção a eles. O menino teria, então, pegado a sobrinha no colo. O cachorro não conseguiu alcançá-la, mas mordeu o braço do menino. O pitbull somente os deixou quando outra pessoa da família interveio. Segundo o relato dado à polícia, o cão parecia desorientado, pois saiu correndo sem direção. O menino ficou ferido no braço direito e foi levado ao Hospital Regional de Ceilândia.

Outra moradora da QR 321 também foi atacada. Ela passeava na rua com um cachorro da raça shih-tzu, na coleira, e o irmão de 7 anos. Os moradores avisaram que havia um cachorro atacando as pessoas e, logo em seguida, ela viu o pitbull indo em direção a eles. O animal atacou, mordendo os dois braços da moradora. Ela só conseguiu se soltar com a ajuda da população que estava no local. A mulher, 21 anos, buscou atendimento no Hospital Regional de Ceilândia.

O caso é investigado pela 26º Delegacia de Polícia (DP), de Samambaia.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE