Pandemia

Luccas Neto se emociona ao falar de quarentena longe do filho recém-nascido

Youtuber contraiu covid-19 e, apesar de estar assintomático, se mantém isolado por precaução para evitar que família também seja contaminada

Jéssica Gotlib
postado em 18/11/2020 14:18 / atualizado em 18/11/2020 14:56
Na foto, Luccas Neto segura o filho Luke logo após o parto, poucos dias antes de descobrir que tinha contraído a covid-19 -  (crédito: Reprodução/Instagram)
Na foto, Luccas Neto segura o filho Luke logo após o parto, poucos dias antes de descobrir que tinha contraído a covid-19 - (crédito: Reprodução/Instagram)

A covid-19 tem causado impactos diferentes em milhares de famílias ao redor do mundo. E, mesmo quando não produz danos físicos, o estresse da separação durante os 15 dias mínimos de isolamento e o medo do futuro podem trazer momentos dolorosos. Foi o que compartilhou o youtuber Luccas Neto em entrevista ao programa Encontro com Fátima Bernardes nesta quarta-feira (18/11).

Depois de descobrir que contraiu o novo coronavírus, Luccas se isolou da família, mesmo assintomático, para evitar que a doença se espalhasse para os demais moradores da casa. “Eu estou bem, sem sintomas, mas o problema mesmo é o psicológico”, desabafou, em conferência de vídeo.

Ao falar sobre o filho com Jéssica Diehl, Luke, que tem apenas cinco dias de vida, Luccas se emocionou. “Ele está na porta aqui do lado e eu não posso fazer nada. É um sentimento muito triste porque eu fico pensando: é meu primeiro filho, eu não sei se ele vai lembrar de mim. Parece que daqui a 15 dias ele vai estar diferente, vai estar maior, eu vou perder uma fase da vida dele. Ele tá na porta ali, no outro quarto”, lamentou.

Nesse momento, Fátima Bernardes interveio para consolar o entrevistado. “Não precisa ficar preocupado, não. Ele vai lembrar muito de você. Você vai ter muita oportunidade de retomar esses 15 dias que vocês vão ficar isolados e acho que, nesse momento, não tem prova de amor maior do que você manter esse isolamento”, explicou a apresentadora.

O youtuber ainda revelou que faz testes semanais, pois sai para trabalhar e está morando com a avó, que é idosa. Assim, mesmo assintomático, ele conseguiu rastrear a doença antes de contaminar o resto da família. “Para minha surpresa, foi um teste que também ia dar em nada, mas deu positivo. Foi isso”, declarou ressaltando que todos que convivem na casa já fizeram o teste e tiveram resultados negativos.

Luccas revelou, ainda, que, justamente por se preocupar com a família, sempre tomou todas as precauções para evitar o contágio. Mesmo assim, elas não foram suficientes para conter o vírus e ele não faz ideia de como ou quando possa ter pegado a infecção. “A gente não sabe como pega, como isso funciona. Quando você vê, já tem cinco pessoas do seu lado com, é uma coisa muito doida, passa muito rápido, é muito muito esquisito”, declarou.

Prevenção

Logo após a conversa com o youtuber, o programa exibiu o quadro Bem estar no Encontro, que dá dicas de saúde para os telespectadores. Lá, a apresentadora Michelle Loreto deu uma dica útil para quem, como Luccas, precisa sair para trabalhar e tem pessoas do grupo de risco em casa: quanto mais medidas de proteção, melhor.

“Tem uma virologista da Nova Zelândia que falou que dá para comparar essa proteção da gente com um queijo suíço. Nenhuma medida isolada para evitar a contaminação do coronavírus funciona 100%. Então, o que a gente tem que fazer? Tomar todas as medidas”, explicou.

Isso quer dizer que usar máscara, ficar distante das pessoas em locais públicos, higienizar bem as mãos, evitar tocar no rosto, higienizar compras, entre outras atitudes de precaução devem ser vistas como camadas de cuidado que se sobrepõem. Caso o vírus passe por alguma das barreiras, você terá sempre outras para te proteger. É como um backup de segurança contra a doença.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE