Pandemia

Juliette se pronuncia após 500 mil mortes pela covid-19 e culpa governo Bolsonaro

A campeã do Big Brother Brasil (BBB21) criticou a negligência do governo em relação as medidas de segurança

Victória Olímpio
postado em 21/06/2021 16:13
 (crédito: Juliette Freire/Instagram/Reprodução)
(crédito: Juliette Freire/Instagram/Reprodução)

Juliette Freire usou as redes sociais, na tarde desta segunda-feira (21/6), para lamentar a marca de 500 mil mortes pela covid-19 no Brasil, atingida no último sábado (19/6). A advogada criticou ainda o governo Bolsonaro e falou sobre a negligência em relação as medidas de segurança.

"500 mil mortos no Brasil! Não são apenas números. É uma terrível consequência da negligência da gestão do atual governo Bolsonaro. Eles tinham como ter evitado essa tragédia. É claro que é Fora Bolsonaro", escreveu Juliette no Twitter.


A paraibana costuma reforçar sempre para os seguidores sobre a importância dos cuidados nesse período. Ao voltar para Paraíba depois da participação no reality, Juliette recusou desfile em carro de bombeiros pelas ruas do município para evitar aglomeração.

Nesta segunda, a cantora Ivete Sangalo também lamentou as mortes, mas evitou críticas criticar políticos e governo. Anitta também falou sobre as mortes, mas ao contrário da baiana, criticou o governo, fazendo com que os seguidores vissem no post uma resposta a Ivete.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE