Acidente

Migrante morre eletrocutado no teto de trem de alta velocidade na França

Por volta das 22h de quinta-feira (9/2), o homem subiu até o teto de um trem Eurostar estacionado, onde foi "eletrocutado" e morreu no local

Os trens Eurostar conectam Paris com cidades na Bélgica e na Holanda, assim como com Londres, através do Canal da Mancha. -  (crédito: Eric PIERMONT / AFP)
Os trens Eurostar conectam Paris com cidades na Bélgica e na Holanda, assim como com Londres, através do Canal da Mancha. - (crédito: Eric PIERMONT / AFP)
postado em 09/02/2024 16:23 / atualizado em 09/02/2024 16:23

Um migrante morreu eletrocutado na quinta-feira (8) à noite, após subir no teto de um trem de alta velocidade Eurostar, que conecta a França com outros países europeus, na Gare du Nord, em Paris, informaram a Promotoria e uma fonte policial nesta sexta (9). 

Por volta das 22h de ontem, um homem cruzou a via e subiu até o teto de um trem Eurostar estacionado, onde foi "eletrocutado" e morreu no local cerca de meia hora depois, relatou a fonte policial. 

Depois de observar as imagens de videovigilância, os serviços policiais constataram que a vítima era um migrante, afirmou a mesma fonte, acrescentando que o estado do corpo impediu uma identificação mais precisa. 

A Promotoria de Paris abriu uma investigação sobre o ocorrido. 

Os trens Eurostar conectam Paris com cidades na Bélgica e na Holanda, assim como com Londres, através do Canal da Mancha. 

Na semana passada, França e Reino Unido se comprometeram a intensificar seus esforços para impedir a chegada irregular de migrantes ao solo britânico. A maioria atravessa o Canal da Mancha a bordo de pequenas embarcações.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br