Moro no Podemos

Álvaro Dias diz que, com Moro, Brasil deve institucionalizar Lava-Jato

Líder do Podemos no Senado afirma que operação deve ser institucional no combate à corrupção. Segundo ele, ex-juiz agiu pelo Brasil e não por "interesses políticos" como afirmam "barões da corrupção"

Raphael Felice
postado em 10/11/2021 10:45 / atualizado em 10/11/2021 10:47
 (crédito: NELSON ALMEIDA)
(crédito: NELSON ALMEIDA)

Líder do Podemos no Senado Federal, Álvaro Dias afirmou durante evento de filiação do ex-juiz Sergio Moro no Centro de Convenções Ullysses Guimarães, em Brasília, nesta quarta-feira (10/11), que "barões e arautos da corrupção sequestram a narrativas" para colocar Moro como suspeito.

"Os barões da corrupção querem sequestrar a narrativa e afirmam que Sergio Moro julgou movido por interesses políticos. Não, que não venham dizer que Moro julgou por interesses políticos. Moro julgou pelo Brasil, pela democracia, julgou pelo país. Julgou e condenou aqueles que roubaram, não só os recursos públicos, mas as esperanças de uma vida melhor para o povo brasileiro. Que venha agora Moro, não para responder as narrativas dos arautos da corrupção. Vem para combater a corrupção. Vem porque tem coragem, vem por seu idealismo de continuar sua luta no combate à corrupção. Vem para institucionalizar a operação Lava-Jato como política permanente de combate à corrupção", afirmou.

Nesta quarta-feira, Moro assina a ficha de filiação do Podemos. Ele deve ser candidato à Presidência pela legenda.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE