GOIANIA

"Vampiro de Goiânia" bebia sangue de vítimas e matava por prazer

Os crimes atribuídos ao "Vampiro de Goiânia" ocorreram em dezembro de 2023 e fevereiro deste ano

operação sanguinaz  -  (crédito: Divulgação PCGO)
operação sanguinaz - (crédito: Divulgação PCGO)
postado em 28/02/2024 12:30 / atualizado em 28/02/2024 12:37

A Polícia Civil de Goiás (PCGO), pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios, deflagrou, nessa terça-feira (27/2), a Operação Sanguinaz, que prendeu um homem que teria cometido três homicídios e depois bebido o sangue das vítimas, na região norte de Goiânia (GO). Os crimes teriam acontecido entre dezembro de 2023 e fevereiro deste ano. 

As investigações apontaram que o homem praticou o mesmo modus operandi nas três execuções. “A DIH apura que o investigado matava por prazer e que por vezes bebia o sangue de suas vítimas após as execuções", comunica a Polícia.

De acordo com a investigação, o homem se aproveitava de pessoas em situação de rua e usuários de drogas. "Tratando-se de pessoa de altíssima periculosidade e que aproveitava do estado de vulnerabilidade das vítimas em situação de rua e usuários de drogas para atraí-las e depois executá-las”, informa a PCGO.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação