Caso Lázaro

Buscas por Lázaro envolvem centenas de agentes do DF e de Goiás

A força-tarefa reúne polícias especializadas da capital do país e do estado de Goiás. Ao todo, são mais de 200 agentes

Jéssica Moura
postado em 18/06/2021 17:32
Equipe conta com cavalaria, drones equipados com infravermelho e helicópteros.  -  (crédito: Carlos Vieira/CB/ DA Press)
Equipe conta com cavalaria, drones equipados com infravermelho e helicópteros. - (crédito: Carlos Vieira/CB/ DA Press)

Desde o início da caçada por Lázaro Barbosa, 32 anos, as forças policiais do Distrito Federal e de Goiás têm atuado na busca pelo foragido. No fim de semana passads, agentes da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária (PRF) se somaram ao contingente de mais de 200 policiais.

O comandante da operação que procura por Lázaro é o secretário de segurança de Goiás, Rodney Miranda. Na terça-feira (15/6), parte do efetivo da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) deixou o povoado de Edilândia (GO), onde estavam concentradas as ações.

A partir daí permaneceram as equipes de polícia especializada dos dois estados, além das federais: do DF, estão grupamentos como o Batalhão de Cães da PM, Batalhão de Operações Especiais (Bope), a Divisão de Operações Especiais (DOE), da Polícia Civil,

De Goiás, estão envolvidos o Corpo de Bombeiros, Policia Militar, Tropa de Choque, Batalhão Rural da PM e Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam).

  • Efetivo policial é de mais de 200 agentes, entre a polícia do DF e de Goiás
    Efetivo policial é de mais de 200 agentes, entre a polícia do DF e de Goiás Carlos Vieira/CB/ DA Press
  • Cães farejadores também são usados na tentativa de rastrear o fugitivo
    Cães farejadores também são usados na tentativa de rastrear o fugitivo Carlos Vieira/CB/ DA Press
  • Na última quinta-feira, o Secretário de Segurança Pública do Goiás informou que agentes encontraram uma pedaço de pano com sangue, que seria, possivelmente, de Lázaro.
    Na última quinta-feira, o Secretário de Segurança Pública do Goiás informou que agentes encontraram uma pedaço de pano com sangue, que seria, possivelmente, de Lázaro. Carlos Vieira/CB/ DA Press
  • Equipe conta com cavalaria, drones equipados com infravermelho e helicópteros.
    Equipe conta com cavalaria, drones equipados com infravermelho e helicópteros. Carlos Vieira/CB/ DA Press

Neste 10° dia de caçada pelo foragido, além do bloqueio na BR-070 e das equipes que ficaram em pontos fixos, os policiais seguiram por terra para checar pistas do paradeiro de Lázaro.

À tarde, o clima ficou tenso: viaturas deixaram a base em alta velocidade e helicópteros da PM sobrevoaram Girassol. Na procura, os policiais usaram drones para identificar Lázaro Barbosa na mata.

O ministro da Justiça, Anderson Torres, ofereceu apoio da Força Nacional a Rodney Miranda, que aceitou o reforço. No entanto, ainda não há previsão para a chegada das tropas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE