HABITAÇÃO

Comitê aprova criação de lotes em condomínio do Recanto das Emas

Medida do Conplan vai beneficiar mais de mil pessoas no Residencial Tamanduá. Local receberá 183 famílias de baixa renda

Correio Braziliense
postado em 30/10/2021 11:53
Iniciativa prevê a construção de 328 unidades habitacionais no local -  (crédito: Agência Brasília/Divulgação)
Iniciativa prevê a construção de 328 unidades habitacionais no local - (crédito: Agência Brasília/Divulgação)

O Conselho de Planejamento Territorial Urbano do Distrito Federal (Conplan) aprovou, por unanimidade, o parcelamento do solo das quadras 7 e 8 do Residencial Tamanduá, no Recanto das Emas. A decisão foi tomada na quinta-feira (28/10).

A iniciativa do Conplan prevê a construção de 328 unidades habitacionais no local, para uma população estimada de 1.081 habitantes. O objetivo é atender 183 famílias em situação de vulnerabilidade social, que aguardavam a regularização há mais de 10 anos.

A área do Residencial Tamanduá pertence à Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap) e será destinada à Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab). Ao todo, são 9,54 hectares, o equivalente a mais de nove campos de futebol.

O local será destinado à realocação de moradores da ocupação denominada Favelinha, que fica na quadra 409 do Recanto das Emas, mas atualmente carece de infraestrutura. A região passou por um incêndio em 2019, que destruiu várias moradias.

Codhab

Responsável pelo projeto de parcelamento, a Codhab fará todo o cadastramento e habilitação das famílias que serão contempladas para morar no Residencial Tamanduá. Os próximos passos incluem o alinhamento final do projeto e envio ao gabinete do governador, que assinará um decreto para aprovar o parcelamento do solo. Assim que publicado no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), a Codhab ficará encarregada de dar prosseguimento ao trâmite.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE