Infraestrutura

Obra em túnel de Taguatinga avança e Ibaneis libera Avenida Comercial

Cruzamento que conecta as avenidas da região estava interditado desde julho de 2020 para a construção da passagem subterrânea

Thais Moura
postado em 21/04/2022 17:09 / atualizado em 21/04/2022 17:11
Ibaneis Rocha anunciou a liberação nesta quinta-feira (21/4) -  (crédito: Renato Alves/Agência Brasília)
Ibaneis Rocha anunciou a liberação nesta quinta-feira (21/4) - (crédito: Renato Alves/Agência Brasília)

O governador do Distrito Federal (DF) Ibaneis Rocha (MDB) anunciou, nesta quinta-feira (21/4), aniversário de Brasília, a liberação para circulação de veículos na Avenida Comercial de Taguatinga, no sentido Norte e Sul. O cruzamento que conecta as avenidas da região estava interditado desde julho de 2020 para a construção do Túnel de Taguatinga.

Com isso, os ônibus já voltaram a circular no trajeto original, passando da Comercial Norte para a Comercial Sul, cruzando a Avenida Central. Antes, havia um desvio no caminho, e o trânsito era obrigado a passar pela Avenida das Palmeiras e pelas quadras comerciais C1, C6 e C8.

O governador Ibaneis Rocha (MDB) visitou, nesta quinta-feira (21/4), o local onde ocorrem as obras do Túnel de Taguatinga e fez a reabertura oficial do tráfego no cruzamento. “Esse é o início de uma série de entregas que vão fazer bem não só a quem reside, mas a quem investe na cidade, gerando emprego e renda”, disse o chefe do Executivo, na ocasião. Comerciantes, moradores e outras autoridades do GDF também estiveram presentes no evento.

De acordo com o secretário de Obras do DF, Luciano Carvalho, além de resgatar a normalidade do trânsito, a liberação da avenida também deve trazer um fluxo maior de veículos à região, o que fortalece a economia e o comércio local. “A gente sabe que os carros e o transporte coletivo circulando geram frutos, não só para a mobilidade, mas também para o comércio por onde eles passam”, afirmou.

O secretário também informou que as obras avançaram, e que a parte mais demorada na construção do Túnel de Taguatinga está em sua reta final. O progresso da concretagem da laje de fundo do túnel, por exemplo, passou de 47%. Iniciadas em julho de 2020, as obras no túnel têm como objetivo reduzir o tempo de viagem de quem usa o transporte coletivo e trazer uma nova urbanização para o centro de Taguatinga, reduzindo os engarrafamentos da região.

No local onde a passagem subterrânea está sendo construída, passam cerca de 25 mil motoristas diariamente. A ideia é que o túnel tenha duas vias paralelas e três pistas de rolagem em cada sentido. A obra deve criar um corredor para veículos que vem desde a Avenida Hélio Prates e vai até o Eixo Monumental. Na parte de cima da passagem, ainda haverá faixa exclusiva para ônibus, e após a construção, as vias marginais também vão dar acesso às avenidas Comercial Sul e Norte de Taguatinga.

Com a conclusão da obra, os carros que estiverem na Avenida Elmo Serejo, no sentido Plano Piloto, por exemplo, vão poder entrar pelo túnel e sair na Estrada Parque Taguatinga (EPTG). Do outro lado, os veículos que chegarem a Taguatinga pela EPTG também vão passar pelo túnel até o início da Via Estádio, saindo logo após o antigo viaduto da Avenida Samdu. O investimento total na passagem subterrânea é de aproximadamente R$ 275 milhões, e o GDF espera inaugurá-la ainda no primeiro semestre de 2022.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE